Depois de conseguir seguidas reduções da multa original que é devida à Apple, a Samsung agora apela à Corte Federal Norte-Americana para que o valor de US$ 548 milhões seja reduzido ainda mais.

O processo corre desde 2013 e foi feito com base em alegações da empresa americana de que a Samsung teria copiado diversas tecnologias patenteadas do iPhone.
O primeiro veredito estipulou uma multa de aproximadamente 1 bilhão de dólares (dos quase 2 bilhões solicitados) a favor da Apple, mas o valor foi revisto algumas vezes, por meio de recursos sucessivos da empresa sul-coreana, passando por US$ 930 milhões até chegar ao valor atual de US$ 548 milhões.

Mais reduções

A Samsung agora pede para que o último veredito seja revisado por um júri completo, composto por 12 juízes, alegando que a decisão de manter o valor foi equivocada, por ter sido feita por apenas três deles.

Segundo os advogados da empresa, "diferente de tapetes, colheres e objetos mecânicos simples, smartphones incorporam centenas ou milhares de diferentes tecnologias patenteadas, e aqui fica claro que as patentes de design da Apple correspondem às funções menores destes aparelhos".

A Apple ainda não se pronunciou a respeito da movimentação da Samsung no caso.

Cupons de desconto TecMundo: