Com o anúncio de que a Razer está comprando uma parte substancial da Ouya, começam a surgir relatos preocupantes sobre a situação da empresa. Segundo relatos ouvidos pela Vice, a companhia deixou de honrar uma série de contratos assinados com desenvolvedores independentes como parte da iniciativa “Free the Games”.

O programa em questão prometia dobrar os fundos obtidos por projetos que fossem financiados através do Kickstarter — contanto que eles fossem exclusivos para o Ouya durante certo tempo. Segundo o site, a companhia deixou de honrar pagamentos que variam entre US$ 5 mil e US$ 30 mil aos desenvolvedores que cumpriram tais requisitos.

Os responsáveis pelo Ouya justificam a falta de pagamentos por uma cláusula contratual que prevê que ela está livre de cumprir o acordo caso uma das partes declare falência. Como a empresa vai deixar de existir após a aquisição pela Razer, isso teoricamente livraria ela de qualquer obrigação nesse sentido. Consultadas pela reportagem da Vice, tanto a Razer quanto a Ouya não deram qualquer espécie de resposta até o momento.

Via Baixaki Jogos.

Cupons de desconto TecMundo: