Os efeitos visuais usados por Hollywood têm ficado cada vez mais sofisticados. Você, depois de ter conferido no Tecmundo algumas curiosidades sobre a criação digital de Hulk em “Os Vingadores” (2012), por exemplo, certamente sabe disso. Slow motion, Bullet Time e Chroma Key, também conforme já mostrado por aqui, são algumas das técnicas de edição mais usadas pelas produtoras de cinema atualmente.

Em “Looper – Assassino do Futuro” (2012), filme ambientado em Kansas City no ano de 2044, época em que viagens no tempo são práticas comuns no mundo do crime, o que realmente chama a atenção é a adição de elementos digitais como prédios e veículos futurísticos nas cenas.

No vídeo acima, divulgado pelo estúdio responsável por parte da criação e supervisão dos efeitos visuais de “Looper”, Atomic Fiction, é possível ter uma ideia de como e quantos recursos digitais foram inseridos em alguns trechos do filme.

Dirigida por Rian Johnson, a obra faz com que Joseph Gordon-Levitt e Bruce Willis encarnem a pele de Joe, um assassino do futuro impiedoso encarregado de aniquilar a si mesmo. 

Cupons de desconto TecMundo: