Ao que parece, o Instagram deve mesmo construir uma grande plataforma de distribuição de vídeos mais longos, de até 60 minutos. De acordo com várias fontes, a rede social deve oferecer um hub para atrações produzidas, clipes musicais, conteúdo em 4K, entre outras coisas, tudo já dirigido para que possa ser explorado comercialmente. É a chance do Facebook encontrar a maneira certa de competir com o YouTube e o Snapchat Discover.

Novas informações podem ser reveladas e confirmadas pelo Instagram no próximo dia 20

O TechCrunch tem mais detalhes e afirma que não devemos esperar por material da qualidade dos originais da Netflix ou da HBO, e sim coisas na linha do que os youtubers apresentam atualmente — gravações mais ou menos como o Stories, com câmera e luz razoavelmente boas e duração de 15 a 60 minutos.

A ideia é permitir que os criadores e editores ganhem dinheiro com o conteúdo, embora ainda não hajam informações claras de como isso deva acontecer — como divisão de receita e diferentes tipos de anúncios (antes, durante e depois da exibição, por exemplo). O que se sabe é que será possível destacar um link para direcionar ao tráfego de sites, lojas virtuais, emissão de bilhetes de eventos e outras ações. 

Como o app conta com 800 milhões de usuários e já tem um forte apelo como ferramenta de marketing, pode ser a oportunidade que o Facebook vinha esperando para finalmente desenvolver melhor suas frentes com vídeos.

Conteúdo não poderá ser postado imediatamente após a gravação, como o Stories

De acordo com o The Wall Street Journal, a seção de vídeo em formato longo deve oferecer uma coleção de vídeos populares e fornecer uma opção de "continuar assistindo", para poder ver clipes longos durante várias sessões. Os usuários também verão esse conteúdo maior nos perfis dos autores, perto das bolhas "Stories Highlights". Inicialmente, esse material seria “upado” de uma vez, sem a possibilidade de gravar na hora e já sair postando, como é o Stories — e isso filtraria os registros muito amadores.

Não está claro qual será o nome do novo recurso de vídeo ou onde ele será exibido. Ele pode aparecer na guia “Explorar” ou ter uma aba própria e ainda não se sabe também como seriam as notificações ou destaque no feed principal e entre os criadores. Algumas dicas a respeito podem ser revelada no próximo dia 20, quando muitos aguardam alguma palavra do Instagram, que ainda não fala oficialmente sobre o assunto.