A Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) divulgou o Relatório Anual de 2015 da instituição com vários dados a respeito dos serviços prestados. O documento é longo e mostra a evolução de diversas áreas no Brasil, mas uma delas se destaca: a internet fixa, que neste ano é alvo de polêmicas por conta do limite franquia.

Segundo a Anatel, o preço médio mensal da internet fixa no Brasil caiu 71,7% de 2010 até 2015, passando de R$ 21,18 para R$ 5,98.

Algumas empresas tiveram quedas bem bruscas, como a Telefônica e a Oi. Confira o gráfico:

Pode isso?

Achou estranho o gráfico, já que planos de 1 Mbps são mais caros do que isso? Vale lembrar que o estudo chega a esse número calculando o número de usuários, a velocidade média oferecida pelas empresas e a receita total gerada. Ou seja, esse valor não reflete o real preço cobrado por um plano de 1 Mbps — seja isolado ou parte de combos, ele costuma ser uma despesa bem maior.

Outros destaques

A Anatel também divulgou o gráfico de concorrência dos serviços de internet fixa. A grande mudança de 2014 para 2015 foi a aquisição da GVT pela Telefônica, deixando o gráfico claramente dividido em sua maioria por três grupos: Telefônica, Claro e Oi.

A concorrência ficou mais dominada por três grupos em 2015

Os grandes destaques em termos de acontecimentos foram o desligamento do sinal analógico da TV aberta, que se iniciava no ano passado, o barateamento de ligações para celulares (que ficaram 22% mais baixas) e a ascensão do 4G (aumento de 276% no acesso por ele). A Anatel ainda comemorou o sucesso do Plano Nacional de Banda Larga e do projeto Banda Larga nas Escolas.

As metas de cobertura na internet móvel foram batidas, com o 3G em destaque

Você pode conferir o relatório completo neste link.

Cupons de desconto TecMundo: