(Fonte da imagem: Reprodução/Daily Mail)

Em 2009, a belga Kimberley Vlaeminck se envolveu em uma polêmica sobre uma simples tatuagem: ela afirmava ter acordado da sessão com 56 estrelas desenhadas em seu rosto, no que seria um erro do tatuador. Três anos depois, arrependida e ainda com a ilustração, ela confessou que esse foi realmente seu pedido.

A jovem mentiu para a imprensa e os pais que havia pedido apenas três estrelas, mas teria caído no sono e não evitou a aplicação das demais. Agora, ela busca arrecadar cerca de R$ 26 mil para uma cirurgia de remoção a laser, que pode retirar todo o desenho, mas não deve evitar marcas no rosto.

De acordo com o Daily Mail, o tatuador, que confirmou sua inocência na história, não se diz arrependido do feito, já que ganhou muita publicidade após aparecer na imprensa.

Cupons de desconto TecMundo: