Raio X mostra bracelete no estômago de Bárbara Sornat. (Fonte da imagem: Reprodução/Europics)

Barbara Sornat, uma ladra de joias, acreditou ter encontrado a maneira perfeita para roubar uma pulseira de ouro: engoli-la inteira. Contudo, a mulher de 27 anos não contava que a polícia a levaria a um hospital para realizar um exame de raio X.

Segundo o Daily Mail, Sornat foi interceptada em uma loja em Olsztyn, na Polônia. Os funcionários do estabelecimento suspeitaram da mulher depois de o bracelete que ela havia pedido para experimentar sumiu do balcão e chamaram a polícia. As autoridades ficaram confusas com o acontecido, pois não encontraram nada com a jovem durante a revista.

Os policiais então encaminharam a suspeita até um hospital local e solicitaram aos médicos que um exame de raio X fosse realizado na região abdominal. Na imagem obtida, foi possível comprovar que a pulseira estava no estômago da mulher – que deve receber uma pena de cinco anos.

Cupons de desconto TecMundo: