A Samoa, um pequeno país da Oceania, vai passar por uma situação inusitada neste final de ano. O governo local decidiu cancelar o dia 30 de dezembro, fazendo com que a população local passe do dia 29 já para a véspera de Ano Novo. Segundo as autoridades, a decisão tem como objetivo modificar o fuso horário local de forma a melhorar a relação comercial com os países vizinhos.

A decisão tem explicação. Samoa está a cerca de 30 km da Linha Internacional de Data, uma linha imaginária convencionada há mais de cem anos, que marca a mudança no calendário ao ser cruzada por um navio ou avião. Originalmente, Samoa decidiu ficar do lado leste da LID devido às suas relações com os Estados Unidos.

Atualmente, porém, os negócios mais constantes são com a Austrália e outros países asiáticos. A posição de Samoa em relação ao LID faz com que, apesar da proximidade geográfica, as nações fiquem separadas por cerca de 21 horas. Sendo assim, enquanto ainda é sexta-feira para os samoanos, os outros países já estão no final de semana. Quando os australianos vão para o trabalho na segunda, Samoa ainda aproveita o domingo.

Com o cancelamento do dia 30 de dezembro, Samoa e Austrália passarão a ficar separados por apenas três horas. A primeira mudança prática para o país, porém, se dará no Reveillon, quando o país passará a ser um dos primeiros a receber 2012, em vez de estar por último.

Cupons de desconto TecMundo: