Quem viveu nos anos 90 deve se lembrar bem do design dos aparelhos da Apple, que era absurdamente diferente daquilo que temos atualmente. Na época, os eletrônicos da empresa eram feitos em plástico, trazendo um visual muito mais colorido e cheio de curvas do que o estilo “reto” e limpo dos dispositivos atuais da companhia.

Essa enorme transição fica especialmente visível nos dois aparelhos mostrados logo acima. De um lado, temos o Powerbook G3, lançado em 1997; do outro, há o Powerbook G4, o sucessor direto do G3 e o primeiro aparelho a ter sua estrutura feita em metal (titânio, no caso).

Do plástico ao titânio

Agora, o que levou a Maçã a uma mudança tão drástica naquela época? Jony Ive comenta sobre sua conversa com Steve Jobs e Tim Cook sobre o assunto, em entrevista ao The New York Times. Segundo ele, a decisão foi resultado do desejo dos três de criar um aparelho que combinasse leveza, resistência e um design fino:

“Eu me lembro claramente da época em que nós fizemos computadores portáteis de plástico, e Steve e Tim e eu sentamos e falamos que nós queríamos construir um computador portátil incrivelmente fino e leve. Havia toda uma série de desafios, de um ponto de vista de engenharia: como ele funcionava em um novo material, titânio. Isso significava que nós tínhamos que redesenhar completamente e descobrir novos parceiros com os quais trabalhar, contratar toda uma nova organização.”

Por mais que fosse um grande desafio para a época, a equipe resolveu seguir em frente. O resultado, como você pode ver, foi um enorme sucesso, guiando o design da empresa até os tempos atuais.

Cupons de desconto TecMundo: