Não é recente a aparição de estudos capazes de comprovar que os jogos e os video games podem trazer benefícios para o cérebro, e uma nova prova disso foi uma descoberta feita recentemente pela Universidade de Ciência Eletrônica e Tecnológica da China. 

De acordo com as informações divulgadas, os pesquisadores fizeram ressonância magnética em 57 jogadores, sendo 27 deles considerados de alto nível (a maioria dos representantes desse grupo é formada por competidores de eSports) e 30 tidos como amadores. A análise foi feita numa região do córtex cerebral conhecida como ínsula, que é associada a habilidades de percepção, coordenação motora e funções cognitivas. 

Os testes em questão provaram que os jogadores profissionais tinham mais atividade no lado esquerdo do cérebro, que é associado a pensamentos objetivos. Isso explicaria a facilidade daqueles que se enquadram nesse grupo de resolver problemas simples de forma mais rápida que outras pessoas. 

Comparação entre os cérebros de quem joga bastante e dos considerados jogadores casuais

Por fim, o estudo também concluiu que aqueles que jogam mais também levam seus cérebros a produzir mais massa cinzenta e, consequentemente, ligações melhores e mais fortes.

Via BJ

Cupons de desconto TecMundo: