(Fonte da imagem: AYTM)

Um levantamento feito pela empresa especialista em pesquisas de mercado, AYTM, aponta que as diferentes versões do jogo Angry Birds são responsáveis por prejuízos anuais de 1,5 bilhões nos EUA. Segundo a análise realizada, cerca de 5% das partidas do jogo são realizadas em horário de trabalho, influindo de maneira negativa na produtividade de funcionários.

Para chegar a tais conclusões, a empresa calculou que, a cada dia, 200 milhões de minutos são gastos em partidas do game. A cada ano, são acumuladas 865 milhões de horas jogadas, das quais 5% (43 milhões de horas) ocorrem no ambiente de trabalho. Considerando o pagamento de US$ 35 dólares por hora de trabalho, se chega ao número de US$ 1,5 bilhões gastos que não se convertem em produtividade.

Mera estimativa

Apesar do número surpreendente, vale destacar que tudo não passa de uma mera estimativa, já que não houve pesquisas que comprovassem as alegações. Entre os fatores levados em conta que não passam de meras suposições está o tempo gasto se jogando em serviço e a média salarial dos trabalhadores dos Estados Unidos.

Da mesma forma, não é possível calcular com precisão se o tempo gasto com Angry Birds, caso fosse gasto com trabalho, realmente resultaria no aumento da produtividade das empresas. Dessa forma, a pesquisa serve mais como um exercício de imaginação bem elaborado do que algo que deve ser considerado com seriedade por empresas e trabalhadores.

Cupons de desconto TecMundo: