Bandeira do exército russo (Fonte da imagem: Reprodução/Wikimedia Commons)

O Departamento de Defesa da Rússia está criando um sistema operacional para um novo tablet, que será distribuído para soldados do país. Baseado no Android da Google, o novo sistema chamado RoMos deixará de lado uma grande quantidade de aplicativos e linhas de código utilizados para o rastreio de informações.

Com isso, as tropas não poderão ser localizadas e o fato evitará que seus históricos sejam enviados para servidores externos. Andrei Starikovsky, um dos responsáveis por levar o sistema e os tablets ao exército russo, disse ao site ITAR-TASS: “Nós excluímos o Google Market da montagem do sistema por razões de segurança.”. Vale dizer que, em vez de sistemas GPS, a navegação utilizará protocolos GLONASS.

Também será lançada uma versão civil, sendo que cada tablet deve custar cerca de US$ 465 (R$ 940), sendo todos montados na Rússia. A versão militar será composta também de sistemas de proteção contra pancadas e água. A expectativa é que ele seja lançado no final de 2013.

Fonte: ITAR-TASS e Security Week

Cupons de desconto TecMundo: