(Fonte da imagem: Chris Wilcox)

Se antes os robôs só cumpriam seu trabalho e entregavam nossas cervejas durante um evento, hoje eles estão aprendendo a saboreá-las com cada vez mais precisão. Pesquisadores espanhóis desenvolveram uma língua eletrônica que é capaz de identificar o gosto dos diferentes tipos da bebida – apresentando uma taxa de acerto de 82% para todas as avaliações.

O dispositivo, composto por 21 eletrodos íon seletivos, se baseia no paladar humano e age como um sensor que determina os diferentes níveis de particularidades presentes em cada bebida. Os pesquisadores trabalharam para que o detector eletrônico da língua pudesse aprender as diferenças entre cada uma das cervejas provadas, possibilitando que ele identifique categorias como lager, Pilsen, Alsatian, Schwarzbier e até mesmo as cervejas sem álcool.

E os testes não param por aí. O trabalho seguinte dos pesquisadores é o de tornar possível que a língua reconheça outros tipos de cervejas e bebidas, como refrigerantes. No entanto, todo o sistema precisa aprender as particularidades de cada líquido antes de identificá-lo com precisão – o que pode tornar o processo um pouco lento e demorado para a máquina, assim como a degustação de uma boa cerveja.

Cupons de desconto TecMundo: