(Fonte da imagem: Divulgação / Mozilla / Google)

Os próximos meses podem trazer uma grande surpresa para quem acompanha a guerra travada pelos diversos navegadores existentes na internet. Ao menos é isso que promete o StatCounter, um medidor estatístico que contabiliza o uso desses programas em todo o mundo. A novidade seria na disputa pelo segundo lugar: até dezembro, o Mozilla Firefox deve perder o posto para o Google Chrome.

De acordo com os dados levantados pelo site durante o mês de setembro de 2011, o Firefox soma 26,8% dos usuários da internet, enquanto o Chrome, logo atrás, já conta com 23,6%. Mas algumas estatísticas apostam que, ao final do ano, os números serão 26,6% para o navegador da Google e 25,3% para o da Mozilla.

Na ponta da tabela, o Internet Explorer segue reinando absoluto, com 41,7%. Mesmo apresentando uma queda constante, a ferramenta da Microsoft está longe de ser ultrapassada.

Outras fontes

O Net Applications, outro site que mede o uso de navegadores na rede, é um pouco mais cauteloso em afirmar que tal mudança vá mesmo ocorrer. Segundo o Computerworld, os dados mais recentes desse serviço indicam que o Firefox teria 22,6% do mercado, enquanto o Chrome é preferência de apenas 15,5% dos usuários. Já o Internet Explorer seria ainda mais soberano, somando 55,3%.

Esse site é mais utilizado pelas companhias, pois costuma possuir uma margem de erro menor que o StatsCounter. Ainda assim, a comparação dos dados de setembro não deixa dúvidas: o Chrome seria o navegador mais crescente o mercado, além de favorito para assumir o segundo lugar na guerra.

Cupons de desconto TecMundo: