Startup da Intel quer colocar carros autônomos nas ruas de Pequim até 2022

1 min de leitura
Imagem de: Startup da Intel quer colocar carros autônomos nas ruas de Pequim até 2022
Avatar do autor

A Mobileye, uma startup subsidiária israelense da Intel especializada em carros autônomos, deve colocar seus veículos inteligentes nas ruas de Pequim até 2022 graças a uma parceria feita com o sistema de transporte público da capital chinesa. A empresa vai entrar com tudo nesse mercado que promete ser a febre dos próximos anos e pode mudar a maneira com a qual o ser humano se locomove em grandes centros urbanos.

A informação foi revelada durante a CES 2019, em Las Vegas, e a parceria entre Mobileye e o sistema de transporte público de Pequim promete até 2022 o lançamento do AV Kit – basicamente um kit de “compatibilidade” abrangente que inclui tudo o que um carro comum precisa para se transformar em veículo autônomo, que inclui sensores, software e hardware de processamento. É a maneira mais fácil de transformar um carro “normal” em autônomo.

O futuro do transporte

De olho nesse mercado promissor, a Mobileye já havia feito uma parceria anteriormente com a Volkswagen para levar até o final de 2019 um sistema de corridas pagas usando carros autônomos para Israel. Nesse caso, os veículos possuiriam nível 4 de autonomia, ou seja, eles ainda precisariam de um motorista a postos para realizar algumas manobras mais complexas.

A Mobileye busca até 2022 criar um padrão para esse tipo de serviço e operar nos diferentes níveis de autonomia que já podem ser aplicados em carros que vão andar por aí com cada vez menos motoristas humanos, mesmo que ainda dependam bastante da gente.

Fontes

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Startup da Intel quer colocar carros autônomos nas ruas de Pequim até 2022