Imagine alguém entrando na sua casa à mão armada e, ao anunciar o assalto, ao invés de ordenar que você esvazie sua carteira, ele pede para que transfira os direitos do domínio de um site? Bem, foi mais ou menos isso que aconteceu no ano passado nos Estados Unidos e agora a Justiça norte-americana deu seu veredito: Sherman Hopkins Jr., de 43 anos, foi condenado a passar 20 anos em uma prisão federal.

O invasor teria como objetivo vender o direito de controle da página por um alto valor

O caso aconteceu em junho de 2017, em Iowa. Hopkins Jr. invadiu o apartamento de Ethan Deyo, de  26 anos, e assim que o homem entrou, Deyo se trancou em um quarto. Hopkins Jr. quebrou a porta e deu uma coronhada na vítima, enquanto segurava uma arma de choque. Com o cano apontado para sua cabeça, o agressor pediu que o rapaz entrasse no gerenciamento online da página “doitforstate.com” e mudasse os direitos para outra conta.

Depois de notar que o criminoso estava um pouco atrapalhado, Deyo conseguiu reagir e levou um tiro na perna, mas obteve o revólver e atirou várias vezes contra o peito de Hopkins Jr, que posteriormente foi hospitalizado e sobreviveu. Na sequência, ele foi indiciado por sequestro, posse de arma por um criminoso (Hopkins Jr. já tinha passagem pela polícia em 2007) e uso de arma de fogo durante crime de violência.

Ainda não está claro qual seria a finalidade do uso do “doitforstate.com”, pois ela não leva a lugar algum. Um porta-voz da cidade Cedar Rapids, onde aconteceu o incidente, afirma que o site seria valioso para um terceira pessoa, não identificada, e que pagaria um alto valor pelo controle da mesma.

“Do it for state” é um termo recente nascido em fraternidades

Segundo o Motherboard, a frase que dá nome ao site “Do it for state”, ou “Faça pelo estado”, pode ser uma referência a uma instituição estadual, no caso, a Universidade de Iowa. O termo foi cunhado recentemente e parece ter surgido na cultura das fraternidades da universidade, em 2017, e ganhou mais popularidade nas redes sociais. Uma conta no Twitter com esse nome basicamente posta conteúdo sobre esporte, bebidas alcoólicas e sexo.

Embora o domínio atual esteja com um link quebrado, a Wayback Machine da Internet Archive mostra quem em janeiro de 2015 o site doitforstate.com era descrito como um local para “histórias de faculdade, vida de universitário e snaps universitários”. Um outro perfil homônimo, também no Twitter, leva a uma gravadora, a Elite Sound e ao Design Studios.

Por enquanto, nem Deyo, a gravadora Elite Sound ou outras pessoas que pareçam estar conectadas ao domínio se manifestaram a respeito do caso.

Cupons de desconto TecMundo: