(Fonte da imagem: Divulgação / Fox)

Uma das questões que mais fascina os linguistas de todo o mundo é o método de comunicação das civilizações humanas mais primitivas. Novas pistas encontradas sugerem que um dos primeiros idiomas falados pelas criaturas humanoides que habitavam o planeta surgiu em algum lugar no leste africano, há cerca de 50 mil anos.

O curioso é que a gramática desse dialeto, que foi chamado de “proto-humano” e teria dado origem às diferentes línguas, é mais ou menos como a utilizada pelo personagem de Yoda, o pequeno e verde mestre Jedi da série Star Wars. Tentamos reproduzir o método no título da notícia: em vez de utilizar a fórmula sujeito + verbo + objeto, esses indivíduos invertiam a fórmula, resultando em sujeito + objeto + verbo.

Segundo o MSNbc, a descoberta foi possível ao criar uma árvore genealógica de idiomas, que mostra a relação entre todas as línguas faladas ou já extintas no mundo. Ao estabelecer um padrão de palavras ou estruturas gramaticais similares, percebe-se que os dialetos mais antigos utilizavam a formulação de frases no método antigo – e essa seria a comunicação humana mais intuitiva, já que é também o modo de fala de crianças antes da alfabetização.

Apesar da maior parte dos idiomas modernos não utilizar mais a fórmula sujeito + objeto + verbo, os pesquisadores ainda não são capazes de determinar que fator levou ao abandono desse método de fala.

Cupons de desconto TecMundo: