Pesquisa por voz conta com previsão de palavras. (Fonte da imagem: Reprodução/IG)

Um dos pesquisadores da Google que está trabalhando no aperfeiçoamento do serviço de reconhecimento de voz da companhia postou hoje no blog Research at Google uma breve explicação sobre como o sistema funciona. Ciprian Chelba explica basicamente como a nova tecnologia reconhece o que você está dizendo, levado em conta também a probabilidade de o usuário falar alguma palavra relacionada com as anteriores.

Segundo ele, esse formato de previsão de fala pretende diminuir as chances de erros de interpretação. Como um exemplo, Chelba diz que se você pronunciar “New York”, o serviço da Google deve acreditar que seja mais provável que a próxima palavra dita seja “Pizza” em vez de “Granola”.

Fora isso, aplicando esse novo complemento que acompanha um banco de dados com 230 bilhões de palavras, o reconhecimento de voz pode diminuir algo entre 6% e 10% a taxa de erros em situações mais complicadas. Usando ferramentas e buscas mais simples, a quantidade de erros pode cair em até 52%.

Cupons de desconto TecMundo: