Criada para atender a demanda de empresas por fotos comerciais tipicamente brasileiras, a startup CrayonStock é o primeiro banco de imagens nacional a apostar no modelo de assinaturas usando a tecnologia e o potencial da internet para licenciar fotos em grande quantia e de maneira simples.

As empresas interessadas pagam uma taxa mensal para utilizar as imagens feitas por fotógrafos colaboradores, que são comissionados cada vez que uma imagem de sua autoria é usada. Os fotógrafos interessados podem fazer diretamente o upload de suas fotos na plataforma da CrayonStock.

De acordo com Lucas Atalla, fundador e CEO da CrayonStock (e da revista Gracie Magazine, destinada para praticantes de jiu-jitsu), “a companhia quer apresentar para os fotógrafos brasileiros uma nova maneira de ganhar dinheiro, em que uma mesma foto pode ser adquirida diversas vezes, gerando um lucro recorrente a este profissional”.

Atenção, fotógrafos: dinheiro à vista

A assinatura mensal está disponível a partir de R$ 27 e dá direito ao download de até 40 imagens com resolução de 800 pixels. Se a sua empresa estiver buscando imagens com maior definição, a startup também disponibiliza outros planos que permitem o download de fotos com uma resolução maior.

O acervo dispõe de diversas opções e categorias de imagens, além de uma coleção de fotos internacionais de alta qualidade. Talent, Ogivily, Young & Rubican, Hotel Urbano, PPR, AlmapBBDO, EFE, Gracie Magazine e IBJJF são algumas empresas que já utilizam imagens da CrayonStock. 

Cupons de desconto TecMundo: