Quando a Atari anunciou que traria de volta sua marca para o mercado de consoles, os saudosistas foram à loucura, pois a companhia não somente confirmou que o Ataribox teria poder de fogo aumentado como também estaria conectado com as tendências atuais. Até mesmo uma data de pré-venda foi estabelecida, ela iniciaria na quinta-feira (14). Como dá para notar, isso não aconteceu: a empresa diz que precisa de mais tempo para desenvolver o produto.

“Devido a um elemento-chave em nossa checklist, precisamos de mais tempo para criar uma plataforma e o ecossistema que a comunidade do Atari merece”, diz a empresa, em comunicado. Agora, o plano de lançamento começa do zero, ainda que a entrega mantenha o cronograma para o terceiro trimestre de 2018. Os preços devem ficar entre US$ 249 (R$ 828,96, sem taxas) e US$ 299 (R$ 995,42).

No Reddit, a galera já começou a duvidar da vinda de algo que realmente valha a espera:

"Talvez eles tenham se dado conta que não possuem nenhum título para o lançamento", disse um dos usuários do fórum. "Isso me faz imaginar por que eles não sabiam desse elemento-chave na checklist que eles fizeram há três dias, quando eles estava fazendo barulho na internet na campanha de financiamento coletivo", reclamou outro.

atari

Ainda que a notícia seja um pouco desanimadora, pode ser que a decisão seja acertada, porque a base nostálgica talvez não seja suficiente para sustentar essa iniciativa no mercado atual — cheio de opções mobile para o público casual. Quem sabe não vem aí um produto que una a simplicidade de outrora com a interação de atualmente.

Cupons de desconto TecMundo: