Esquema de posicionamento dos transdutores acústicos

Fonte da imagem: Patently Apple

A Apple registrou recentemente uma patente curiosa: cases para notebook e tablet equipados com transdutores acústicos, que poderiam ser usados para operar os computadores lançados com essa tecnologia. Esses transdutores são microfones que transformam a vibração ou impacto de um som em energia elétrica.

Além disso, o dispositivo eletrônico também inclui um microprocessador acoplado a um ou mais desses transdutores e configurado para receber os sinais gerados por eles. Esse microprocessador pode ser programado para interpretar esses sinais, podendo inclusive determinar a origem do sinal, ou seja, em qual transdutor ele foi aplicado.

Na prática, a ideia se parece bastante com os famosos “mouse gestures” ou com o touchpad dos notebooks, com a diferença de que o sinal analisado, neste caso, é o som que o gesto produz.

Um som é produzido quando alguém “desenha” com o dedo ou com a unha em cima de uma mesa ou outra superfície. Com base nesse som, o computador poderia executar uma determinada ação. Você poderia, por exemplo, deslizar seu dedo em determinada região do case do notebook para aumentar ou diminuir o volume da música que estiver tocando.

Os transdutores também poderiam identificar algumas “pancadinhas”, possibilitando, por exemplo, que esse simples gesto pudesse habilitar ou desabilitar periféricos. Desse modo, bater de leve com o dedo próximo à webcam do notebook, poderia ligá-la ou desligá-la.

O vídeo acima mostra como funciona esse tipo de comando. Chris Harrison, doutorando no Instituto de Interação Humano-Computador da Carnegie Mellon University, implementou algo semelhante para a sua tese de mestrado. Ao fixar transdutores nas paredes de sua casa, o estudante provou ser possível operar o reprodutor de músicas com simples “arranhões” nas paredes, transformando-as em enormes touchpads.

Cupons de desconto TecMundo: