(Fonte da imagem: The Verge)

Um certo alvoroço tomou conta do Twitter na última sexta-feira, depois que um programador postou um suposto código do OS X Mavericks revelando que o sistema operacional da Apple seria capaz de evitar o modo suspensão enquanto percebesse movimentação na sua frente.

O motivo da confusão estaria relacionado à câmera iSight: ela poderia estar sempre ligada, monitorando os usuários. Como lembra o The Verge, a questão foi levantada meses após os problemas de privacidade que o mesmo recurso representaria na câmera sempre ligada do Kinect, no Xbox One. 

Alguns testes rápidos pareceram confirmar a suspeita: quando os usuários se deslocavam na frente do computador, o modo suspensão não era ativado. Afinal, a Apple está de olho em quem está usando o seu SO mais recente?

Sensores inteligentes

A tecnologia seria engenhosa: enquanto o computador percebia uma movimentação na frente da tela, ele não entrava no modo ocioso. Entretanto, isso representaria um grave problema de privacidade. Mas não é a câmera iSight que é capaz de fazer isso, e sim os sensores de luz posicionados no canto à esquerda. Ufa.

Esse sensor já é usado para ajustar o brilho da tela à luz ambiente, mas o novo sistema operacional adicionou uma finalidade diferente: ele acompanha as mudanças na luz e interpreta-os como “movimento”, entrando no modo ocioso conforme a alteração.

O The Verge resolveu colocar o recurso à prova em dois notebooks diferentes equipados com OS X Mavericks para confirmar isso. Depois de cobrir a câmera (mas não o sensor de luz), a equipe foi capaz de atrasar o modo hibernação alterando as condições de iluminação do ambiente. Ponto pra Apple.

Cupons de desconto TecMundo: