Ainda envolto em mistérios, o NX pode finalmente ter tido suas características finais reveladas graças à Eurogamer. O site afirma ter obtido de fontes confiáveis a confirmação de que a nova plataforma da Nintendo deve se tratar de um portátil híbrido, com um hardware avançado e um segredinho: dois controles destacáveis, que ficam presos nas laterais.

Aparentemente, o dispositivo funciona de forma semelhante ao Nintendo 3DS e ao PlayStation Vita, com uma tela dedicada. Outro diferencial fica por conta da existência de uma espécie de base que, conectada à televisão, permite aproveitar jogos de forma mais tradicional, o que supostamente ligaria o console ao "cérebro do NX".

Segundo a Eurogamer, o novo console/portátil vai usar o chipset Tegra da NVIDIA como base de processamento e optar por mídias no formato de cartuchos. A escolha não é surpreendente quando levamos em consideração a preferência pelo formato portátil, mas indícios de que a companhia vai trabalhar com um limite de dados de 32 GB geram algumas preocupações.

A imagem abaixo mostra como o console poderia operar: como um portátil tradicional ou no modo tenda, com os dois controles destacáveis, sem levarmos em consideração ainda o modo em Dock.

Console teria 2 modos de operação, com controles destacáveis

Aparentemente, a Nintendo chegou a cogitar tornar o console exclusivo a jogos digitais, mas desistiu dessa ideia durante o processo de desenvolvimento. Naturalmente, a companhia deve manter a prática de oferecer versões por download de games que chegam às lojas no formato físico.

Portátil e console de mesa

A mudança radical de posicionamento e do hardware utilizado pela Nintendo indicam que, pela primeira vez desde que o Wii chegou às lojas, a companhia vai deixar de oferecer qualquer tipo de retrocompatibilidade. Contrariando rumores anteriores, o NX não deve rodar o Android, mas sim um sistema operacional totalmente desenvolvido pela companhia japonesa.

O console deve usar cartuchos como mídia física

A escolha pelo Tegra torna difícil comparar a capacidade gráfica do console àquela exibida pelo PlayStation 4 e pelo Xbox One, mas tudo indica que a empresa continua não dando tanta atenção para esse fator. A data de revelação do produto está marcada para setembro deste ano, o que fez com que ele ganhasse uma atenção especial dentro da empresa nos últimos meses.

Para completar, a Nintendo está preparando um plano de marketing e divulgação bastante cuidadoso após os problemas que enfrentou ao ter que explicar qual era o conceito do Wii U a seus consumidores. Consultada pela Eurogamer, a empresa afirma que não comenta qualquer rumor ou especulação que esteja circulando na internet.

Via TecMundo Games.

Cupons de desconto TecMundo: