O Internet Explorer já é coisa do passado. A Microsoft disponibilizou ainda em versão beta o Project Spartan, navegador que vai tomar o lugar do IE a partir do lançamento oficial do Windows 10. O nome ainda é provisório, mas já dá para ter uma boa ideia das funcionalidades que vão vir por aí.

O TecMundo teve a oportunidade de testar a novidade e aqui mostramos para você um pouco do visual e os detalhes técnicos desta nova versão. Vale lembrar que ele está disponível apenas para os usuários da versão Technical Preview do Windows 10. Você pode conferir um passo a passo de como ter acesso a essa versão neste link no Baixaki.

Visual completamente renovado

Antes de tudo é preciso deixar bem claro que estamos falando de uma versão de testes. Por conta disso, ainda é cedo para avaliar quesitos como estabilidade ou compatibilidade com diversas tecnologias. Entretanto, as nossas primeiras impressões foram muito boas. O Project Spartan é mais rápido que o Internet Explorer e se mostra estável na maior parte do tempo.

A interface do Project Spartan sugere um visual moderno e mais limpo em relação a versões anteriores do IE. Ao lado da barra de endereços, o primeiro ícone de destaque é o modo de leitura. Após carregar a página você pode ocultar todas as informações que não sejam texto ou imagens, transformando as páginas me verdadeiros livros digitais.

Além disso, você pode adicionar vários itens na sua lista de leitura, podendo conferir eles depois, mesmo estando offline. A ideia é que esse recurso torne praticamente qualquer página adaptável para o formato de tablet, numa clara tendência da Microsoft em apostar nos aparelhos híbridos. A proposta do Windows 10, de integração total em todos os dispositivos da empresa, também sugere esse caminho.

Modo anotações e novo motor de renderização

Outro recurso interessante é a possibilidade de fazer anotações sobre uma página da web. Ao clica no ícone correspondente, uma nova barra de ferramentas é aberta. Você pode escrever comentários, destacar itens com caneta marca-texto ou até mesmo recortar imagens. O conteúdo pode ser armazenado online e sincronizado com o OneNote.

Por fim, a última novidade relevante está no novo motor de renderização. A ideia é que ele deixe a navegação mais rápida. Em nossos testes o navegador se mostrou bastante eficiente em termos de velocidade, mas ainda um pouco instável em alguns recursos.

O Project Spartan ainda é o nome provisório do browser, que não tem data oficial para ser lançado. Sabe-se apenas que ele chegará para os consumidores junto com a versão final do Windows 10. Essa última também não tem data oficial de lançamento definida, mas deve ser liberada ainda em 2015.

Cupons de desconto TecMundo: