(Fonte da imagem: Reprodução/Wikimedia Commons)

“Deus, salve a rainha. Seu regime fascista fez de você um burro! Bomba de hidrogênio em potencial”. Essas falas são da música “God Save the Queen”, lançada em 1977 pela banda inglesa de punk rock Sex Pistols. Logicamente, os monarquistas britânicos não ficaram muito felizes quando a canção foi lançada, mas os responsáveis não foram presos por isso. A história seria bem diferente na Tailândia.

Por lá, falar mal da família real é um crime muito grave. Ainda mais se for em público, como fez Amphon Tangnoppaku. Ele dirigiu críticas à rainha em uma mensagem de texto que foi interceptada pelo governo e agora vai passar 20 anos na prisão. Você pode estar se perguntando: “Onde está o Facebook mencionado no título?”.

Segundo o Huffington Post, o Ministro das Informações e Comunicações, Anudith Nakornthap, afirmou em comunicado oficial que todos aqueles cidadãos tailandeses que mantiverem mensagens ou “curtam” postagens que ofendam a família real ou o governo monárquico em suas contas de Facebook poderão ser condenados por crimes virtuais e distribuição indireta de conteúdo inapropriado.

Por isso, se você está lendo essa matéria em um computador da Tailândia, faça um favor a si mesmo e não compartilhe o conteúdo. Mas se você está em outro país, pode clicar em “Curtir” sem medo de ser feliz.

Cupons de desconto TecMundo: