A TCL Communications — empresa que comprou recentemente a marca BlackBerry para smartphones — apresentou hoje (31) na IFA 2017 uma nova versão do BlackBerry KEYone chamada “Black Edition”. Como você já pode imaginar, o novo celular é todo preto, mas essa não é a única diferença na comparação com o dispositivo que foi introduzido ao mundo no início deste ano.

A Black Edition também trará duas melhorias no hardware: em vez de 3 GB de RAM, o KEYone preto terá 4 GB e ainda contará com 64 GB de armazenamento, contra 32 GB do dispositivo anterior. Essa versão já está disponível na Índia e deve ser liberada em outras partes do mundo até o fim do ano.

Talvez isso lhe surpreenda, mas parece que a TCL está vendendo bem o seu smartphone BlackBerry e, por isso, resolveu colocar mais uma opção no mercado, mesmo que haja pouca diferença entre uma e outra.

Estamos empolgados em dar sequência ao nosso lançamento inicial com o novo BlackBerry KEYone Black Edition

"O lançamento global do BlackBerry KEYone ultrapassou muito as nossas expectativas. O nosso redesenhado smartphone BlackBerry agora está disponível em mais de 30 países ao redor do mundo”, disse Alain Lejeune, gerente geral global para a TCL Communication. "Estamos empolgados em dar sequência ao nosso lançamento inicial com o novo BlackBerry KEYone Black Edition que oferece a nossa promessa de expandir nosso portfólio de smartphones BlackBerry em 2017, ao mesmo tempo em que preparamos as bases para outro complemento da nossa programação no final deste ano", completou.

Ainda não há um preço para o Brasil, mas, na Europa, o celular chega por €649, o equivalente a R$ 2,4 mil na conversão direta. Esse valor é um tanto maior do que o valor cobrado incialmente pelo KEYone, mas não há qualquer outra diferença além da cor e das melhorias em RAM e armazenamento.

Cupons de desconto TecMundo: