(Fonte da imagem: Reprodução/What if?)

Não há como negar que a Google possui a maior capacidade de armazenamento de dados do mundo (ou ao menos está entre elas). Felizmente, essas informações são todas guardadas em discos rígidos, permitindo que uma quantidade absurda de dados seja estocada em espaços minúsculos.

Mas e se, no lugar disso, a Google guardasse todas essas informações em cartões perfuráveis? Foi isso que o site What if? se perguntou. E o resultado é impressionante.

Para descobrir isso, primeiro foi necessário calcular quantos bytes de informação são guardados pelos servidores da Google. Após algumas extrapolações, considerando a quantidade de máquinas utilizadas e de cartuchos de fitas magnéticas comprados anualmente pela empresa, o resultado foi de 15 exabytes – 15.000.000.000.000.000.000 bytes –, aproximadamente.

Soterrado em papéis

(Fonte da imagem: Reprodução/What if?)

Agora, vamos considerar que um cartão perfurável armazena até 80 caracteres e que uma caixa de cartões perfuráveis comporta 2 mil deles. Usando esses números, foi possível concluir que uma cidade como a Nova Inglaterra, com uma área de quase 190 mil km², seria completamente soterrada em aproximadamente 4,5 km de papel. Para fins de comparação, isso seria mais de três vezes mais alto que as geleiras que cobriram aquela região durante a última era glacial.

Cupons de desconto TecMundo: