Um relatório publicado pelo site Bloomberg mostra que a Apple está novamente rendendo muito no mercado internacional. No começo do ano, a empresa realizou uma recompra de US$ 18 bilhões em ações, depois de ter passado por um período sem muitos crescimentos no valor dos próprios papéis disponíveis na Bolsa de Valores. E os resultados saíram melhores do que o esperado. Desde a negociação, as ações da Apple subiram 25%, somando um total de 77% de crescimento nos últimos 15 meses.

Voltando às recompras que ocorreram entre janeiro e março deste ano, é preciso dizer que elas foram responsáveis por uma quebra de recorde. A transação resultou no “quadrimestre pós-recompra” mais lucrativo em relação a todas as empresas que estão na Bolsa desde que o Bloomberg começou a rastrear esse tipo de movimentação do mercado. Analistas dizem que o “timing perfeito” para a recompra é o grande responsável por isso.

Cupons de desconto TecMundo: