O relógio da discórdia (Fonte da imagem: Reprodução/Biz Ideas 4U)

Com o lançamento do iOS 6, a Apple apresentou diversas novidades para a nova versão do seu sistema operacional. Uma delas era um visual novo para o app Clock. Não demorou para a internet achar que o design do relógio era bem similar ao encontrado em estações ferroviárias suíças. Na verdade, ele era praticamente idêntico.

A Apple havia copiado, sem cerimônias, o design criado Hans Hilfiker, em 1944, e utilizado desde então nas ferrovias da Suíça. A Companhia Ferroviária Nacional da Suíça demonstrou o seu descontentamento com o uso indevido do relógio pela Apple assim que o caso se tornou popular na internet.

Para resolver o problema, a empresa de Cupertino optou por pagar pelos direitos de uso do desenho do relógio no seu sistema operacional. Até o momento, o valor pago ainda era um mistério, mas é difícil esse tipo de coisa ficar escondida por muito tempo.

Foi descoberto que a Apple pagou 21 milhões de dólares pelo direito de usar o design do relógio suíço no seu sistema operacional. A empresa se junta à Mondaine, empresa de relógios da Suíça, que também tem uma licença de uso do mesmo design.

Cupons de desconto TecMundo: