Segundo a Reuters, um homem canadense chamado Karim Baratov irá a julgamento nesta semana por ajudar atacantes russos a invadir e vazarem contas da Yahoo em 2014 — um dos maiores vazamentos de contas já realizado. A Reuters adiantou que Baratov deverá se declarar culpado no caso.

Ao que parece, Baratov fez um acordo para se declarar culpado

Baratov, 22, é um cidadão canadense nascido no Cazaquistão que foi preso em março deste ano a pedido de procuradores dos Estados Unidos. Além do jovem, o Departamento de Justiça dos EUA também está processando Dmitry Dokuchaev e Igor Sushchin, dois agentes do Serviço de Segurança Federal da Rússia (FSB), por envolvimento direto no vazamento de dados da Yahoo. No caso, os agentes pagaram hackers para obter as informações e usaram Alexsey Belan, um dos cibercriminosos mais procurados pelo FBI, para invadir a Yahoo.

Até o momento, Karim Baratov foi a única pessoa presa sobre o caso. Anteriormente, o homem não havia se declarado culpado pelos crimes de fraude informática, fraude eletrônica e roubo de identidade. Agora, ao que parece, Baratov fez um acordo para se declarar culpado.

Cupons de desconto TecMundo: