Twitter Blue agora traz notícias sem anúncios e personalização

1 min de leitura
Imagem de: Twitter Blue agora traz notícias sem anúncios e personalização
Imagem: Twitter
Avatar do autor

Nesta terça-feira (9) o Twitter anunciou a chegada de sua assinatura, o Twitter Blue, nos Estados Unidos e Nova Zelândia. Após ter sido lançado no início do ano no Canadá e Austrália, o recurso chega com novidades e está disponível para iOS, Android e na web por US$ 2,99 e NZ$ 4,99. No Brasil, a assinatura custa R$ 15,90 por mês.

A novidade traz a possibilidade de consumir notícias em veículos sem propagandas, função conhecida como Scroll, incentivando o consumo e compartilhamento de notícias na rede. Ainda sobre acesso a artigos, a página “Artigos Populares”, projetada pensando nos usuários do Nuzzel, será atualizada com as pautas mais populares e mais compartilhadas nas últimas 24 horas.

Os assinantes ainda poderão personalizar o aplicativo criando temas coloridos, utilizando ícones exclusivos e com pastas de favoritos. A customização vai além e permite alterar a navegação, permitindo ao usuário escolher o que aparece na barra de navegação para acesso rápido aos destinos do Twitter que mais possam interessar.

Customizando a navegação (Fonte: Twitter/Reprodução)Customizando a navegação (Fonte: Twitter/Reprodução)Fonte:  Twitter 

O ponto que mais chamou atenção foi a opção “desfazer”, que deixa visualizar e aperfeiçoar os tweets antes de serem enviados. Os assinantes ainda poderão ter acesso ao “Reader”, que transforma longos tweets em uma “experiência mais fácil de ler” e permite alterar o tamanho do texto.

(Fonte: Twitter/Reprodução)(Fonte: Twitter/Reprodução)Fonte:  Twitter 

O Blue Labs também é destaque e permite que os usuários testem novas ferramentas do Twitter antes de serem abertas para o público geral. Os testes mudarão com frequência, mas por enquanto, os assinantes poderão enviar vídeos de até 10 minutos (em oposição ao padrão de cerca de 2 minutos para não assinantes) e fixar suas conversas favoritas no topo de seus DMs.

Fontes