O chipset Kirin 970 da Huawei continua a surpreender. Após testes realizados na Alemanha, ele foi o primeiro a suportar a categoria 18 para velocidade de downlink e 13 para uplink. Traduzindo, isso significa que ele pode baixar informações tão rápido quanto 1,2 Gbps.

testes

Para atingir toda essa velocidade, algumas melhorias foram realizadas no Chipset. A primeira foi a inclusão de 4x4 MIMO – Multiple-Input and Multiple-Output, método de transmissão para sistemas de comunicação sem fio – e 256 QAM – Modulação de Amplitude em Quadratura, para otimização das taxas de transferência de informação. Os dois possuem funções para criar novos canais de transmissão de dados, aumentando a velocidade de passagem.

Animado com a conquista, Ai Wei declarou que, ‘Um novo marco foi alcançado para mostrar que o Kirin SoC da Huawei está mais uma vez em posição de liderança no setor de comunicação sem fio LTE’.

Essa conquista da Huawei a coloca em posição de destaque quanto ao desempenho dos seus aparelhos diante dos mais famosos que, atualmente, utilizam processadores Qualcomm Snapdragon 835, como: Samsung Galaxy Note 8, HTC U11, LG V30 e Essential Phone.

Um circuito

Toda essa velocidade poderá ser vista no próximo aparelho da Huawei, o Mate 10, que será revelado oficialmente no dia 16 de outubro. Além de que o Kirin 970 vem com um processador de inteligência artificial dedicado. Até surgir outro chipset poderoso, a empresa usa a coroa de desempenho, amedrontando a concorrência.

Cupons de desconto TecMundo: