Recém-lançado e criado por um dos principais idealizadores do Android, o Essential Phone está chamando atenção por onde passa. E, depois de levar uma das notas mais baixas da História no teste de reparabilidade do iFixit, o aparelho de Andy Rubin passou por uma bateria de provas de resistência.

Os tradicionais testes de durabilidade do canal JerryRigEverything provaram que, ao menos nesse aspecto, o aparelho está mais do que aprovado. Confira abaixo como foi a "pancadaria" para cima do smartphone.

A primeira prova é a de riscos. Nas laterais, que contam com uma composição de titânio, foi possível observar marcas bem evidentes na superfície de plástico que envolve essas bordas. O metal e a traseira de cerâmica, entretanto, ficaram com ótima aparência. Na segunda, em que o dispositivo é dobrado, ele não quebrou ou mostrou mudanças na estrutura.

Por fim, a prova do aumento de temperatura com um isqueiro posicionado na frente da tela. Os pixels escureceram depois de nove segundos e retornaram a mostrar a imagem normal sem grandes resíduos — um ótimo indicativo.

Por enquanto, nenhum teste de queda foi realizado pelo canal, mas essa deve ser a próxima etapa. Afinal, muita gente quer saber se o dispositivo de US$ 700 (cerca de R$ 2,16 mil em conversão direta de moeda) é mesmo resistente por dentro e por fora.

Cupons de desconto TecMundo: