Será que o Windows Phone 8 será mesmo uma revolução? (Fonte da imagem: Divulgação/Microsoft)

O Windows Phone, da Microsoft, ainda tem uma participação baixa no mercado de smartphones. O tablet Surface, por enquanto apenas com Windows RT, não está muito bem das pernas nas vendas iniciais. Ainda assim, há quem acredite que a empresa vai dar a volta por cima – e ainda deixará a concorrência comendo poeira.

Essa pessoa é Charles Sizemore, um analista que escreveu recentemente um artigo para o site da NASDAQ analisando o futuro do mercado de dispositivos móveis – e dizendo que a Microsoft vai superar e esmagar as rivais.

Sobre a Apple, ele afirmou que a empresa “não tem vantagens em longo prazo” para os consumidores. Ele também criticou o controle da Maçã em relação a software e hardware, dizendo que isso não contribui em nada para quem comprou os produtos.

Os tapas foram ainda mais violentos na Google – que, para ele, não deveria nem ser levada a sério. Sizemore diz que os serviços da empresa são muito inferiores aos da Apple e Microsoft, porque “elas são companhias de verdade com verdadeiros projetos de mercado”. O fato de ela fornecer aplicativos gratuitos também é um ponto negativo, já que isso tiraria a credibilidade deles.

Cupons de desconto TecMundo: