Muitas das notícias sobre a Samsung nos últimos meses dão conta da intenção da diretoria em desenvolver melhor uma área que ficou em segundo plano nas últimas temporadas e agora se tornou prioridade: a inteligência artificial (IA). Os rumores já envolviam melhores versões do assistente digital Bixby e um smart speaker. Agora essas informações de bastidores ganham corpo com um anúncio oficial de investimentos no valor de US$ 22 bilhões, que serão destinados à IA e à chegada da quinta geração de internet móvel, a 5G.

“A Samsung pretende liderar esforços para promover um ecossistema vibrante de inovações e crescimento, alavancando sua tecnologia e décadas de experiência na criação de empresas de sucesso”, destacou o comunicado oficial, distribuído nesta quarta-feira (8).

Os boatos sobre o alto-falante inteligente que a Sammy estaria trabalhando e pode até anunciar muito em breve já apontavam para o desejo da empresa de conectar todos os seus dispositivos de uma forma mais coesa e ampla. Com a chegada do 5G, esses planos devem se expandir para diversos outros componentes da Internet das Coisas, casas inteligentes, dispositivos vestíveis, carros autônomos e até mesmo o setor farmacêutico.

A sul-coreana adiantou que também vai aumentar a verba para a C-Lab, sua incubadora interna, com mais 500 projetos. A projeção é de que sejam criadas 40 mil vagas nos próximos três anos.