Microsoft e a Xiaomi já flertam há algum tempo uma com a outra e já firmaram algumas parcerias proveitosas. Dessa vez, as duas empresas assinaram um Memorando Estratégico de Entendimento (MoU) para unir forças em áreas como inteligência artificialcomputação em nuvem e hardware em geral.

As vantagens únicas da Microsoft e a experiência na inteligência artificial, assim como nossos produtos, como o Azure, permitirão que a Xiaomi desenvolva tecnologia de ponta para todos em todo o mundo

A Microsoft vai se beneficiar bastante com isso, especialmente na área de hardware, que foi um pouco deixada de lado na empresa. O lado mobile da companhia também, que não vem dando certo apesar dos esforços, pode ganhar uma nova chance nessa parceria com a Xiaomi, quem sabe até envolvendo o Windows Mobile e, claro, a Cortana.

“A Xiaomi é uma das empresas mais inovadoras da China e está se tornando cada vez mais popular em diversos mercados em todo o mundo”, afirmou Harry Shum, vice-presidente do Grupo de Pesquisa e Inteligência Artificial da Microsoft em comunicado. “As vantagens únicas da Microsoft e a experiência na inteligência artificial, assim como nossos produtos, como o Azure, permitirão que a Xiaomi desenvolva tecnologia de ponta para todos em todo o mundo”.

Já no lado da Xiaomi, as perspectivas também são bastante positivas: “A Microsoft tem sido uma excelente parceira e estamos muito satisfeitos em ver ambas as empresas aprofundarem esse relacionamento com este MoU estratégico”, acrescentou Wang Xiang, vice-presidente sênior e chefe de negócios internacionais da Xiaomi em seu comunicado. “A missão da Xiaomi é oferecer inovação a todos em todo o mundo. Ao colaborar com a Microsoft em áreas de tecnologia múltipla, a Xiaomi vai acelerar o ritmo para trazer produtos e serviços mais empolgantes para nossos usuários”.