Comecemos pelo básico neste guia do Internet Explorer 7. Na parte de cima do navegador, você visualiza quatro áreas distintas e que compreendem quase tudo o que você precisa para navegar pela internet.

Acima, fica a barra de título, que exibe o nome e a descrição das páginas visitadas. A segunda delas é a barra de endereços, onde você volta e avança pelas páginas, insere URL e pesquisa pela internet. Logo abaixo está a barra de menus. Basta clicar sobre cada um destes menus para expandir opções e funções do programa.

A quarta e última barra é a de ferramentas, onde é possível gerenciar favoritos, visualizar abas abertas e acessar outras opções.

As quatro barras do Internet Explorer.

Curto e grosso: para acessar uma página, basta digitar seu endereço na barra de endereços e teclar Enter. Para fazer uma busca, basta digitar os termos desejados no campo à direita da barra de endereços e teclar Enter ou então clicar no botão “Pesquisar”.

Por padrão, o resultado da pesquisa será exibido na aba que estiver ativa no momento. Para abri-lo em outra aba, use a combinação Alt+Enter.

Por padrão, o mecanismo que o Internet Explorer utiliza é o Windows Live Search. Porém, é possível utilizar qualquer outro mecanismo que você prefira. Para configurar o sistema de busca do navegador, clique sobre a flecha ao lado do botão de pesquisa. Um menu será expandido e você deverá clicar sobre a opção “Localizar Mais Provedores”.

Aprendendo a configurar os provedores de busca.

Uma página será aberta, e nela você deverá escolher o provedor que deseja utilizar. Caso o Internet Explorer esteja no idioma português, as opções de busca irão incluir o AOL, Google, iG Busca, Terra Networks, UOL Busca, o próprio Windows Live Search e o Yahoo! Search.

Também é possível adicionar serviços de busca mais específicos, como Buscapé, Globo Vídeos e Wikipédia.

As opções que você tem para adicionar à busca.

Basta clicar sobre o mecanismo que você deseja adicionar e confirmar sua adição. Volte para o campo de pesquisa e você vai perceber que, ao clicar na flecha de busca, o novo mecanismo já estará adicionado.

O novo mecanismo já adicionado.

O mecanismo adicionado pode ser definido como padrão em poucos cliques. Basta clicar sobre a flecha e acessar a opção “Alterar Padrões de Pesquisa”. Na janela aberta, basta selecionar o provedor desejado e clicar em “Definir Padrão”.

Primeiro, acesse o menu, depois configure.

A Barra de Menus

A barra de menus do Internet Explorer não apresenta recursos especiais ou únicos, é apenas uma maneira de acessá-los. Em “Arquivo”, por exemplo, você pode abrir uma nova guia ou janela, editar as páginas da internet com o Microsoft Excel, configurar impressão, etc.

A barra de menus com o

Os menus que talvez você mais utilize são o “Favoritos” e o “Ferramentas”. Vamos vê-los em detalhes.

O menu “Favoritos” lhe permite gerenciar as páginas que você mais gosta. Quando você acessar uma página que lhe interessa, pode acessar a opção “Adicionar a Favoritos”. Uma caixa de diálogo será aberta, e nela você define o nome de exibição do favorito criado e o local onde ele deve ser salvo (você verá como criar pastas de favoritos logo, logo).

Primeiro acesse o menu, depois configure.

Com mais de uma guia aberta, é possível salvar todos os endereços abertos simultaneamente. Basta acessar a opção “Favoritos”-“Adicionar Grupo de Guias aos Favoritos”. Você perceberá que uma nova pasta será criada nos favoritos. Dentro desta pasta, os links de cada guia aberta poderão ser acessados.

Adicionando mais de uma página como favorita.

Clicando em “Organizar Favoritos”, uma caixa de diálogo aberta, e nela você cria pastas, altera a ordem de exibição delas e também define as propriedades dos links favoritos.

Organizando favoritos.

Na parte de baixo do menu “Favoritos”, estão localizados os links de suas páginas preferidas. Basta clicar sobre o link para abri-lo no navegador.

Fácil acesso às suas páginas favoritas.

O menu “Ferramentas”

No menu de ferramentas, é possível executar diversas tarefas. Uma delas é excluir o histórico de navegação, ou seja, uma série de arquivos que vão sendo armazenados conforme você usa a internet. É possível excluir arquivos temporários, cookies, histórico de páginas, dados de formulário e senhas.

Apagando arquivos temporários.

Neste menu você também pode configurar o bloqueador de pop-ups que já vem com o Internet Explorer. Por padrão, este bloqueador já é ativado. Acessando a opção “Bloqueador de Pop-ups”, você ativa ou desativa o bloqueador, além de configurá-lo caso ele esteja ativo. Dentro das configurações, você pode permitir páginas que você conhece, liberando-as de qualquer bloqueio, além de definir as notificações em casos de bloqueio.

Configurando o bloqueador de pop-ups.

Outra ferramenta importante é o filtro de phishing (páginas falsas que se passam pelas páginas de organizações e instituições para roubar dados e informações pessoais. Com este recurso, você pode enviar o endereço da página que está utilizando para análise da Microsoft, além de desativar a verificação automática por phishings.

Configurando filtro de phishings.

Uma ferramenta muito útil e extensa é a possibilidade de usar feeds. No menu de ferramentas, é possível descobrir se uma página oferece ou não feeds RSS. E, no caso positivo, inscrever-se nele.

Ainda no menu de ferramentas, você pode acessar o Windows Update e acessar as opções do navegador.

A barra de ferramentas

Nesta barra, perceba as duas estrelinhas no canto esquerdo. Elas servem para acessar o gerenciador de favoritos e para adicionar uma página a eles com apenas um clique, sem acessar a opção do menu “Favoritos”.

Esses botões facilitam o gerenciamento dos favoritos.

Clicando na primeira estrela, uma variação do gerenciador de favoritos é aberta no canto esquerdo do navegador. Utilize os botões “Favoritos”, “Feeds” e “Histórico” para visualizar os links preferidos que estão salvos e abri-los facilmente.

Uma outra maneira de gerenciar favoritos.

Dica

Clique no botão “Fixar o Centro de Favoritos” para evitar que ele se feche quando você clicar fora dele. É um pequeno botão com uma flecha verde, bem no cantinho direito da janela aberta.

Em destaque, o botão para fixar.

Com o Centro de Favoritos fixado, clique sobre um link e arraste-o até o centro. Pronto, você acabou de adicionar mais uma página aos favoritos de uma maneira bem simples.

A segunda estrelinha é apenas um atalho para a opção “Adicionar aos Favoritos”, já explicada anteriormente. De fato, é mais rápido e simples utilizar esta opção do que usar o menu.

Trabalhando com guias

Ao lado dos botões para gerenciamento dos favoritos, são exibidas as guias das páginas à medida que elas são abertas. Para abrir uma página em uma guia nova, há duas maneiras principais. A primeira é acessar o menu “Arquivo”-“Nova Guia”. A segunda é mais ágil, bastando clicar no pequeno quadrado na guia de uma janela já aberta.

Duas maneiras para abrir guias.

Com mais de uma janela aberta, você perceberá que um pequeno botão surge à esquerda da primeira guia. Clique no botão “Guias rápidas” para visualizar as páginas abertas em modo miniatura. Basta clicar sobre uma miniatura para visualizá-la em tela cheia.

Visualizando as páginas das guias em miniaturas.

Ao lado deste botão, há também uma pequena flecha. Para alternar entre as guias abertas, basta clicar sobre esta flecha. Um menu será estendido. Basta selecionar a página que você deseja ver.

Outra maneira para abrir páginas nas guias.

No canto direito da barra de ferramentas e guias, há diferentes ícones que você usa para acessar mais opções, configurações e recursos. O primeiro deles é o Home. Clicando sobre ele, você é direcionado para sua página home (página que abre quando o navegador é executado).

Clicando sobre a pequena flecha ao lado deste botão, você tem duas opções: abrir uma página em branco ou então adicionar a página que está sendo visualizada como home.

O botão Home e os outros ícones.

Ao lado do botão Home, há o botão Feed, que nem sempre está ativo. Em alguns momentos, você perceberá que ele estará cinza e desabilitado. Em outros, ele estará alaranjado e pronto para uso.

O que determina a ativação do recurso de feed é a página que você visita. Caso ela tenha um serviço de RSS, o botão é habilitado, e com ele você se inscreve nos feeds de tal página. Clique sobre ele para acessar a página de informação do feed e confirme sua inscrição ou não.

Trabalhando com feeds na barra de ferramentas.

O terceiro botão desta série é o de imprimir. Basta clicar sobre ele para imprimir a página que você está visitando. Lembre-se: este botão imprime a página sem o assistente e sem configuração. Para pré-visualizar o conteúdo e configurar páginas, clique sobre a pequena flecha ao lado do botão e selecione uma das opções: “Visualizar Impressão” ou “Configurar Página”.

Imprimindo com a barra de ferramentas.

Ao lado do botão para impressão está o botão “Página”, que possibilita funções específicas para a página que você está acessando. Clicando sobre este botão, um menu é expandido e você terá diversas opções: abrir uma nova janela; copiar, recortar e colar uma seleção; salvar, editar ou enviar a página; aumentar ou diminuir o zoom e o tamanho da fonte; definir a codificação para símbolos de um idioma específico e exibir código-fonte.

O botão Ferramentas é apenas um atalho para o menu. As funções expandidas são as mesmas, apenas o seu acesso é facilitado.

Diversas opções de configuração.

Perceba que, no extremo canto direito do navegador, uma dupla flecha é exibida. Clicando sobre ela, são exibidos outros ícones e botões que são omitidos da barra de botões. O conteúdo deste menu pode variar dependendo dos componentes que você tem instalado e da compatibilidade deles com o Internet Explorer.

Outras opções do menu de ferramentas.

Cupons de desconto TecMundo: