ASUS Zenfone 3 (5,5”) ou Lenovo Moto Z Play: qual desses é o melhor smartphone para você? Confira em nosso comparativo!

Versão do Sistema OperacionalAndroid 6.0.1 MarshmallowAndroid 6.0.1 Marshmallow
Tipo de TelaSuper AMOLED com 16 milhões de coresLCD Super IPS+ com 16 milhões de cores
Tamanho de Tela5.5 polegadas5.5 polegadas
Resolução de Tela1920 x 1080 pixels1920 x 1080 pixels
ChipsetQualcomm MSM8953 Snapdragon 625Qualcomm MSM8953 Snapdragon 625
Memória RAM3 GB de RAM4 GB de RAM
Armazenamento Interno32 GB64 GB
Cartão de MemóriamicroSD, expansível até 256 GBmicroSD, expansível até 2TB
Câmera Traseira16 MP, abertura f/2, pixels de 1.3µm, com autofoco a laser e resolução máxima de 4608 x 3456 pixels16 MP, abertura f/2.0, pixels de 1.1µm, com resolução máxima de 4608 x 3456 pixels
Capacidade de Bateria3510 mAh3000 mAh

Design

Apesar de as dimensões dos aparelhos não serem as mesmas, ambos oferecem uma pegada bastante semelhante. Isso acontece por causa do design premium adotado pelas fabricantes, com tampa traseira em vidro e bordas metálicas levemente arredondadas.

Mas há diferenças importantes entre esses smartphones, como a localização do sensor de impressões digitais e o alto-falante. Só isso já pode ser o suficiente para fazer alguém escolher entre um ou outro.

Vale mencionar que ambos possuem conexão USB tipo C na base e uma entrada padrão para fone de ouvido. Outra diferença importante é o fato de o Moto Z Play ter suporte aos Style Shells, capas personalizadas que podem mudar bastante o visual do smartphone.

Tela

Mais semelhanças entre os smartphones na parte do display, já que ambos possuem o mesmo tamanho de tela e resolução. Porém, o tipo pode fazer um pouco de diferença. O Zenfone 3 com sua tela IPS LCD apresenta cores mais saturadas e vibrantes, além de um brilho mais intenso.

Porém, o Moto Z Play conta com a tecnologia Super AMOLED, considerada superior por muitos devido à fidelidade de cores e o contraste infinito, produzindo um preto verdadeiramente preto. Vale mencionar que o Zenfone 3 tem um aproveitamento melhor da tela já que os botões não são projetados no display. O smartphone da ASUS também se mostrou mais agradável que o seu concorrente quando utilizado sob luz forte.

Interface

Antes de decretar a superioridade do Moto Z Play por causa do Android puro, é preciso elogiar a ASUS por entregar uma interface bem mais otimizada do que a do Zenfone 2. Até mesmo os apps pré-instalados, que antes incomodavam por ocupar tanto espaço, podem ser dispensados rapidamente.

A experiência de uso em ambos os casos é bastante satisfatória, mas diferente em alguns pontos.  O Zenfone 3 possui diversos modos de economia de energia, além de funcionalidades extras bem interessantes, como a possibilidade nativa de gravar gameplays. Já o Android no Moto Z Play é uma interface bem mais crua, o que é considerado uma vantagem para muitos usuários que preferem buscar funcionalidades extras nos aplicativos.

Desempenho

A performance dos dois aparelhos é bastante semelhante, embora o Zenfone 3 leve vantagem por oferecer 1 GB a mais de RAM. Porém, ao menos na prática, isso acaba não fazendo muita diferença, o que pode ser confirmado pelos resultados bem parecidos em testes de benchmark.

Temos o mesmo chipset com a mesma GPU nos dois smartphones. A versão de 5,5 polegadas do aparelho da ASUS oferece 64 GB de armazenamento, enquanto o concorrente está disponível somente na versão de 32 GB. Ambos oferecem suporte a cartão micro SD.

Quanto à velocidade de autenticação das digitais, ponto para os dois smartphones. A operação é praticamente instantânea, não importa a forma como você posicione o dedo em ambas as áreas.

Câmera

Na parte das câmeras, também temos especificações técnicas semelhantes, mas resultados sensivelmente diferentes. O Zenfone 3 possui um software mais completo, com vários modos de captura e opções de personalização.

Mas o destaque do aparelho da ASUS é a estabilização óptica, o que reduz consideravelmente o aparecimento de borrado nas fotos. O Moto Z Play possui uma câmera frontal com resolução mais baixa que a do concorrente, mas se sobressai por oferecer um flash LED que não está presente no Zenfone.

Bateria

No quesito bateria, o smartphone da Lenovo sai na frente por oferecer mais capacidade e, consequentemente, mais autonomia. O dois smartphones gerenciam muito bem o gasto de energia, mas o Moto Z Play realmente se dá melhor nessa área.

Vale ressaltar que esse aparelho ainda tem suporte ao módulo de bateria, um diferencial para quem quer ainda mais autonomia. O Moto Z Play também carrega mais rápido e dá um indicativo claro de que possui um modo de carregamento mais turbo. O Zenfone 3 leva quase duas horas para abastecer por completo e não indica um modo de carregamento rápido com o carregador padrão.

Qual é o melhor?

O Moto Z Play e o Zenfone 3 são smartphones que guardam algumas semelhanças, mas se diferenciam em pontos importantes. O aparelho da ASUS sai na frente por causa da experiência no display, câmera melhor e o 1 GB a mais de RAM, embora isso não faça muita diferença na prática.

Já o Z Play se destaca por conta da bateria, a interface pura do Android e o suporte aos moto snaps, um diferencial e tanto que pode mudar bastante a experiência de uso do smartphone. Em se tratando de preço, o Zenfone 3 leva vantagem por ser até 300 reais mais barato que o concorrente. Se o valor é o ponto mais importante para você, o aparelho da ASUS é a escolha certa. Caso contrário, vale a pena colocar na balança os dois smartphones para saber qual é a melhor opção.