Um seleto grupo de cientistas, financiado por bilionários preocupados com o aquecimento global e a emissão de gases causadores do efeito estufa, está tentando convencer governos e órgãos internacionais a aprovar experimentos que podem manipular o clima em escala global. Com isso, eles querem evitar uma mudança climática de proporções catastróficas.

Um dos financiadores desses experimentos é ninguém menos que Bill Gates. Além dele, outros bilionários, como o cofundador do Skype, Niklas Zennström, e da Virgin, Sir Richard Branson, também estão investindo pesado nas pesquisas.

Geoenge... O quê?

A geoengenharia — ou engenharia da Terra — defende o uso de métodos altamente controversos, que dividem a opinião da comunidade científica. Enquanto uns acreditam que a sua aplicação pode resultar em algo positivo, sendo uma solução rápida e barata para retardar o aquecimento global, outros temem que os experimentos conduzidos possam mudar os padrões de chuva de forma irreversível e interfiram no clima do planeta.

Um dos experimentos defendidos pela geoengenharia inclui a emissão de milhões de toneladas de partículas refletoras de dióxido de enxofre na atmosfera — a 50 quilômetros da superfície terrestre —, com o objetivo de bloquear a incidência de raios solares e, consequentemente, reduzir a temperatura do planeta.

Jogo de interesses

Muito está em jogo, e os cientistas não são os mais indicados para lidar com as questões políticas, éticas e sociais que envolvem a geoengenharia. A preocupação vem aumentando devido ao pequeno — porém extremamente influente — grupo de cientistas e seus financiadores que, devido à sua posição, podem ter o poder de pressionar as decisões relacionadas a pesquisas de alto risco e suas políticas. Quem garante que não existem outros interesses, mascarados como boas intenções?

E, quanto mais os governos e órgãos internacionais demorarem para chegar a um acordo sobre as emissões de gases, maior é a pressão para que uma opção tecnológica rápida seja encontrada.

O que dizem os cientistas

Os pesquisadores se defendem, dizendo que, se recebessem mais fundos dos governos, não precisariam aceitar recursos oferecidos por pessoas como Bill Gates. Além disso, eles alegam que todo o dinheiro que possa ser gerado a partir do uso da geoengenharia será doado a ONGs e instituições de caridade, além de garantir que não têm expectativas de enriquecer com isso. Segundo os cientistas, todo o trabalho é realizado de forma transparente e aberta, através de simulações em computadores e da avaliação de possíveis consequências.

Cupons de desconto TecMundo: