Novos objetos são descobertos próximos a buraco negro no centro da galáxia

1 min de leitura
Imagem de: Novos objetos são descobertos próximos a buraco negro no centro da galáxia
Avatar do autor

Um grupo de astrônomos da Universidade da Califórnia em Los Angeles (UCLA) identificou quatro objetos de uma nova classe orbitando o buraco negro supermassivo Sagitário A, localizado no centro da nossa galáxia. As informações foram divulgadas pelo próprio site da UCLA.

Os objetos têm a aparência de gás, mas se comportam como estrelas. Na medida em que sua órbita faz com que eles se aproximem do buraco negro, eles sofrem deformações parecendo menores ou maiores. Em 2005, um objeto com essas mesmas características foi identificado e nomeado “G1”.

As linhas coloridas representam as órbitas dos objetos e a cruz branca, o centro do buraco negro (Fonte: UCLA/Divugação)

Em 2012, astrônomos encontram o G2, fato que levou à descoberta do buraco negro Sagitário A dois anos depois. Cientistas desconfiam que sua formação se deu pela fusão de duas estrelas que orbitavam o buraco negro, também conhecido como “Glutão da Galáxia”. Envolto por gás e poeira, a enorme estrela também apresentava um comportamento estranho.

Para entender melhor as particularidades de G1 e G2, os astrônomos aprofundaram as pesquisas e encontraram mais objetos do mesmo gênero em outra órbita, aos quais nomearam G3, G4, G5 e G6.

O grupo acredita que todos eles têm uma única origem: a fusão de duas estrelas que compõem o mesmo sistema, conhecidas como “estrelas binárias”. Esse fenômeno leva mais de um milhão de anos, mas a equipe de astrônomos acredita que ele seja mais comum do que imaginávamos agora que se sabe que buracos negros podem funcionar como força motriz.

Cupons de desconto TecMundo:

Comentários

Conteúdo disponível somente online
Novos objetos são descobertos próximos a buraco negro no centro da galáxia