Telescópio sul-africano descobre um inédito evento estrelar

1 min de leitura
Imagem de: Telescópio sul-africano descobre um inédito evento estrelar
Avatar do autor

Com o uso do telescópio MeerKAT, localizado no Cabo Setentrional, na África do Sul, cientistas identificaram uma grande explosão com emissão de rádio originada por uma estrela binária. O fenômeno identificado como “transitório” representa uma importante descoberta acerca dos estudos sobre as estrelas.

Quando um objeto astronômico aparece e desaparece repentinamente ou, ainda, brilha com maior e menor intensidade por um determinado período de tempo (segundos, dias ou anos), os astrônomos chamam este evento de transitório.

Foi exatamente o que aconteceu com a grande estrela brilhante, que iluminou-se rapidamente por mais de três vezes durante três semanas. O fato chamou atenção dos cientistas do Departamento de Astronomia da Universidade da Cidade do Cabo — onde está localizado o MeerKAT —, que imediatamente começaram a investigar o acontecido.

Os cientistas que observavam o telescópio confirmaram que a fonte da explosão é um sistema binário, onde dois objetos orbitam um ao outro a cada 22 dias. O motivo da combustão ainda não é claro, mas acredita-se que esteja associado à coroa ativa — região externa da estrela mais quente.

Fonte: Pixabay

Mistérios ainda não desvendados

Esta e outras descobertas do telescópio MeerKAT ajudam a compreender a emissão variável de rádio pelas estrelas. Mas esses astros ainda escondem grandes mistérios, por exemplo, como se formam os buracos negros supermassivos?

Até então, sabe-se que a massa solar do supermassivo equivale a cerca de 100 mil massas solares! Sim, ele é infinitamente grande. Recentemente, um desses objetos esteve envolvido em uma carnificina estelar, cujo evento foi nomeado de perturbação das marés.

Telescópio sul-africano descobre um inédito evento estrelar via Mega Curioso

Telescópio sul-africano descobre um inédito evento estrelar