A NVIDIA lançou o seu novo Shield TV na CES 2017, mas o dispositivo manteve basicamente as mesmas especificações do modelo da geração passada. O processador é o mesmo Tegra X1, e demais componentes foram atualizados para possibilitar um design bem mais compacto. A marca diz que o dispositivo ficou 40% menor.

Contudo, isso não quer dizer que o aparelho não tem nenhuma novidade ou melhoria em relação ao modelo anterior. Ele não é, afinal, apenas uma “versão slim”. Em vez disso, o dispositivo agora conta com um sistema operacional remodelado, com sua interface Android TV personalizada e a possibilidade de fazer streaming de jogos para o dispositivo em 4K e com HDR. Assim, você pode ter um PC poderoso no quarto e jogar games nele usando a TV grandona da sala por meio do Shield TV via WiFi.

Os controles foram reformulados e ficaram mais arrojados. É possível notar linhas que formam triângulos no design dos acessórios, o que os deixam mais apelativos para o público gamer. Ambos possuem microfones para que o usuário possa interagir com o console via Google Assistente. Portanto, esse é o primeiro aparelho que não é fabricado pela Google a ter o recurso.

Nos EUA, o dispositivo já está em pré-venda por US$ 199,99, o que dá mais ou menos R$ 638 na cotação de hoje (11/01) sem contar impostos nem nada. Assim como a geração passada do console para TV da NVIDIA, não há uma expectativa para a venda desse aparelho no Brasil de forma oficial. Portanto, se você curtiu, é melhor ir atrás de um lá fora.