Polêmico que só ele – e filantrópico –, Bill Gates voltou a botar a boca no trombone ao falar sobre a prioridade da internet sobre outros assuntos mais, digamos, importantes. Em entrevista ao Financial Times, o executivo disse que a internet é uma “piada” como prioridade quando perguntado sobre como Mark Zuckerberg planeja conectar o mundo inteiro comparado às pesquisas sobre questões como vacina para malária.

“Hmm, o que é mais importante, conectividade ou vacina para malária, você pergunta? Se você acha que a conectividade é o principal, que ótimo. Eu não acho”, disse Gates.

Ainda que tudo da Microsoft passe pelo crivo do bilionário executivo, já faz algum tempo que Gates se distanciou das atividades administrativas para se dedicar à filantropia através da fundação Bill & Melinda Gates, em que busca doar ajuda (e dinheiro, é claro) a questões relacionadas à qualidade de vida, como erradicar doenças e outras ações voltadas à humanidade.

Gates esboçou seu amor à tecnologia, mas disse que isso jamais vai sobrepor questões mais importantes que envolvem vidas. “Eu certamente adoro essa coisa de TI. Mas quando queremos melhorar vidas, é preciso lidar com coisas mais básicas como a sobrevivência de uma criança, a nutrição dela”, afirmou o executivo.

(Fonte da imagem: Cultura Mix)

Se fizermos um panorama do perfil de Gates, que sempre almejou a proliferação de computadores mundo afora, constatamos que o quadro do dono da Microsoft hoje está bem diferente e com outras prioridades. Antes, o investimento em PCs, na visão do executivo, era uma prioridade. Hoje, outras coisas devem ficar no topo da agenda. “O mundo não é plano e os PCs não estão, na hierarquia das necessidades humanas, nos cinco primeiros degraus. Precisamos de crianças que não morram, de pessoas que tenham uma oportunidade de receber uma boa educação”, explicou.

Ainda assim, Gates lembra que a Microsoft ocupa boa parte de seu tempo e que atualmente a companhia está dedicada a encontrar um substituto para Steve Ballmer.

Que difícil divisão do tempo, hein, senhor Gates? Mas é realmente admirável observar esse investimento na educação. Coisa que muitos milionários não fazem.

Cupons de desconto TecMundo: