Índices remissivos facilitam muito a vida de quem vasculha por documentos longos criados no Office. A diferença deste tipo para um índice convencional é que este indica a localização de uma palavra importante ou autor citado, e não um tópico ou subtítulo.

Alguns livros e trabalhos utilizam índices remissivos enormes, com inúmeras indicações. Já outros economizam para não deixá-lo embaralhado. A escolha é sua: se você acha que vale a pena investir e fazer um índice completo, faça; ou então seja mais objetivo e facilite a vida de quem vai procurar uma palavra neste índice.

Marcando

Para começar a fazer seu índice remissivo, o primeiro passo é marcar os itens que farão parte da consulta. Estes itens podem incluir palavras, frases ou símbolos isolados e referências a outras entradas.

Clique no texto que você deseja inserir no índice. Abra a guia “Referências”. No grupo “Índice”, clique em “Marcar Entrada”. Economize tempo através do atalho Alt+Shift+X.

Marcando o texto para começar a elaborar o índice.

Uma caixa de diálogo é aberta com o texto marcado destacado no campo “Entrada Principal”.

Configurando a marcação de uma entrada.

Ainda é possível alterar a entrada neste campo. Você pode, por exemplo, formatar um nome ou palavra específica.

Na área de opções, você define o tipo de entrada:

Referência cruzada, nos casos de utilizar a mesma definição para duas palavras do índice. Por exemplo: Downloads: consulte Baixaki.

Página atual, para simplesmente referenciar a página da palavra, frase ou símbolo.

Intervalo de páginas, para tópicos citados em mais de uma página.

Mais abaixo, em “Formato de número de página”, você pode escolher a exibição do número indicativo da página em negrito ou itálico.

Para concluir, você pode escolher entre marcar somente a entrada selecionada ou todas as correspondências dentro do documento. Se o texto selecionado aparecer mais de uma vez, o botão “Marcar todas” vai ficar disponível, bastando clicar nele para referenciar todas as entradas. Para criar uma entrada individual, basta clicar em “Marcar”.

Índice

Com as entradas marcadas, o próximo passo é criar o índice. Primeiro, crie uma nova página. Para isso, vá até o fim do documento e tecle Ctrl+Enter. Identifique o conteúdo desta página através de um título (que, muito provavelmente, será “Índice Remissivo” ou algo parecido).

Novamente, acesse a guia “Referências”. No grupo “Índice”, clique no botão “Inserir Índice”. Uma caixa de diálogo será aberta.

Começando a criar o índice.

Nela você pode definir os últimos detalhes da formatação, visualizando a impressão após aplicar as formatações.

Configure a formatação do seu índice.

Você pode alinhar os números das páginas à direita, escolhendo o tipo de preenchimento da tabulação com linhas sólidas ou pontilhadas.

No caso de alinhamento, você define o preenchimento.

O formato do texto pode ser alterado entre sete modelos. No entanto, somente um deles pode ser modificado.

Sete formatos disponíveis.

Também é possível definir o alinhamento do número, número de colunas, recuo e idioma.

Finalizando a formatação: definindo recuo, número de colunas e idioma.

Para formatar um item do índice remissivo isoladamente, selecione a opção “Do Modelo” no menu “Formato”, clique em “Modificar”, selecione o estilo na lista e clique em “Modificar novamente”. Uma nova caixa de diálogo será aberta. Nela, clique em “Formatar”, no canto inferior esquerdo, e selecione a opção desejada entre formatar fonte, parágrafo e outras opções específicas.

Formate as entradas individualmente.

Atualização

Se você alterou o texto após a criação do índice remissivo, é possível atualizá-lo com as novas informações. Para isso, posicione o mouse no índice, acesse a guia “Referências” e clique em “Atualizar Índice” no grupo “Índice”. Você também pode utilizar a tecla F9 como atalho. Espere alguns segundos para que o índice seja atualizado.

É fácil atualizar o índice após alterações no documento.

Para modificar a formatação sem alterar nenhuma entrada, posicione o mouse no índice, acesse a guia “Referências”, o grupo “Índice” e a opção “Inserir Índice”. Basta fazer as alterações que desejar e clicar em OK.

O recurso AutoMarcação

Este recurso lhe permite adicionar entradas automaticamente em índices remissivos. Antes de usá-lo, faça uma lista com cada palavra que você quer marcar em um novo documento do Word. Depois de pronta, salve este arquivo volte para o documento do trabalho, abra a guia “Referência” e, no grupo “Índice”, clique em “Inserir Índice”. Clique no botão AutoMarcação e indique o arquivo com a lista.

Insira automaticamente entradas no índice.

Alguns inconvenientes podem acontecer. Por exemplo, este recurso não inclui intervalo de páginas quando uma palavra aparece em páginas seguidas, ele lista todas as páginas onde uma palavra é referenciada.

Remover uma entrada do índice remissivo é possível, mas é um pouco chato. Para isso, é necessário visualizar todos os símbolos de formatação do documento, que geralmente estão ocultos. Para isso, vá na guia “Início” e, no grupo “Parágrafo”, clique em “Mostrar Tudo”. Se preferir, use o atalho Ctrl+Shift+*.

É necessário visualizar toda a formatação do documento.

Agora, sim, localize o termo desejado com o recurso de busca do Word. No campo de busca, digite XE. Clique em “Localizar Próxima” até encontrar a primeira entrada do termo que você quer excluir. Quando encontrá-lo, selecione todo o código (incluindo as chaves) e apague-o com a tecla Delete. Repita o procedimento até percorrer todo o documento.

Localize a formatação do índice para apagá-la.

Atualize o índice através do que já foi ensinado: posicione o mouse no índice, acesse a guia “Referências” e clique em “Atualizar Índice” no grupo “Índice”. Você também pode utilizar a tecla F9 como atalho.

Remover todo o índice é mais simples. Clique sobre ele e use o atalho Shift+F9. Selecione o código que representa este índice e delete-o. Este código deve ser parecido com esta entrada: {INDEX \h “A |c “2” \z “1046” }.

Localize o código também para remover o índice todo.

Cupons de desconto TecMundo: