Tendo em vista a polêmica do “compartilhamento de dados da conta” com o Facebook, o WhatsApp publicou ontem um pequeno vídeo reafirmando que não vai postar nenhum tipo de conversa, fotos ou gravações de seus usuários no Facebook. O mensageiro tenta esclarecer a situação da sua integração com a rede social para evitar perda de adeptos.

Até o fim do mês passado, havia a possibilidade de impedir que esse compartilhamento de dados da conta fosse ativado, mas, agora, a opção não está mais aparecendo. O WhatsApp deu um prazo para o fim dessa possibilidade, e nós do TecMundo lhe avisamos e explicamos como impedir a integração do mensageiro com a rede social.

Assista ao vídeo oficial do WhatsApp aqui.

No vídeo que você viu, o WhatsApp reafirma que o app continuará operado de forma independente do Facebook, mas que os dois passarão a trabalhar de forma mais próxima. Por isso, o compartilhamento de dados da conta seria interessante para essa nova abordagem. Mesmo assim, a companhia diz que mensagens não serão compartilhadas ou lidas.

WhatsApp reafirma que o app continuará operado de forma independente do Facebook

O que o WhatsApp mandaria para o Facebook seriam “dados da conta”, mas não o número de celular. Essa afirmação é um tanto obscura, uma vez que a única coisa que identifica os usuários no mensageiro, além de seus telefones, são seus nomes, que inclusive podem ser alterados a qualquer momento.

Até o fim de setembro, usuários do mensageiro podiam ver a seguinte explicação na opção de compartilhamento de dados:

“Compartilhar dados da minha conta do WhatsApp com o Facebook para melhorar minhas experiências com anúncios e produtos do Facebook. Suas conversas e número de telefone não serão compartilhados com o Facebook, independente desta configuração”

Não conseguimos imaginar até que ponto é interessante ter anúncios do Facebook ainda mais focados em você do que já são, mas quem não realizou a desativação da dita configuração não terá mais essa escolha. O que você acha dessa atitude do WhatsApp?

Cupons de desconto TecMundo: