Avião não tripulado em testes e estacionado no deck de um porta-aviões (Fonte da imagem: Divulgação/US Navy)

A Força Aérea (USAF) e a Marinha (US Navy) dos Estados Unidos apresentaram dois novos veículos não tripulados que são realmente impressionantes. Os dois aparelhos voadores trabalham com funções diferentes, contudo, eles também apresentam algumas semelhanças importantes: como o fato de ambos serem não tripulados, por exemplo.

X-47B Unmanned Combat Air System

Traduzindo-se para o português, o nome do X-47B “entrega” o fato de ele ainda estar dando os seus primeiros passos, uma vez que o avião ainda não tem nem um nome oficial para identificá-lo. Na imagem (no início do artigo), você é capaz de vê-lo no deck de um porta-aviões norte-americano.

Detalhes sobre o veículo não tripulado não foram revelados pelo governo ou pelo exército, mas já se sabe que a aeronave é mais barata e segura do que as utilizadas tradicionalmente e guiadas por pilotos.

X-37B

O X-37B, também conhecido como Orbital Test Vehicle (algo como Veículo de Teste Orbital, em tradução livre) ou simplesmente OTV-3, é um pouco mais ambicioso. Como você já deve ter percebido trata-se de um avião, também não tripulado, que tem ares de espaçonave, podendo orbitar o planeta Terra.

OTV-3 ganhou melhorias com relação aos seus antecessores (Fonte da imagem: Reprodução/Slashgear)

Apesar de a Força Aérea dos Estados Unidos não revelar qual é a real função do equipamento, especula-se que a ideia seria utilizá-lo para realizar missões de espionagem fora da nossa atmosfera, obtendo informações sobre satélites que estejam agindo de maneira “estranha” ou até mesmo identificando grandes armas que ficam posicionadas no espaço – tudo no maior estilo dos filmes de ficção científica.

Em seu último anúncio, os militares também fizeram questão de mostrar como o veículo não trabalha em uma só missão e que ele pode ganhar melhorias e realizar novas tarefas, pois o projeto parte para o seu terceiro teste. Em seus voos anteriores, o antes chamado de OTV-1 ficou 224 dias no espaço, enquanto que o OTV-2 gastou 469 dias fora da Terra.

Cupons de desconto TecMundo: