Apesar de ainda existir muita crítica ao mercado de dispositivos vestíveis — especialmente em relação à utilidade dos SmartWatches —, não é possível negar que este é um nicho que está crescendo e que realmente veio para ficar.

Alguns produtos já estão sendo lançados no Brasil e muitos podem ser adquiridos em lojas e sites fora do país, sendo que existem opções de vários tipos e para diversas funções. Relógios, pulseiras inteligentes, anéis, óculos e muitos outros dispositivos vestíveis já podem ser encontrados nas lojas e em campanhas de crowdsourcing.

A Amazon recentemente lançou um espaço no seu site dedicado a estes aparelhos, com várias opções para todos os gostos e bolsos. Se você se interessa por esse tipo de dispositivo e não se importa tanto em pagar um preço alto (afinal, para a importação você vai pagar o valor convertido do item e mais os impostos na chegada), confira esta lista alguns aparelhos que já podem ser comprados no Brasil ou importados legalmente para cá.

Samsung Gear 2

Um dos principais nomes no mercado de relógios inteligentes, o Gear 2 é uma opção que ainda pode ser considerada bem cara, pelo menos no Brasil. Ele chega a custar mais de mil reais, porém é uma alternativa bem interessante para quem quer ter mais praticidade no uso dos seus eletrônicos. Ele tem conexão com os últimos modelos de smartphone da Samsung e roda o Tizen, um sistema proprietário da marca.

Para saber mais sobre este produto, leia a análise que o Tecmundo fez e saiba se vale a pena investir em um desses relógios cheios de funções inteligentes e sincronização com o celular.

LG G Watch

Ele ainda não está disponível oficialmente no Brasil, mas esse lançamento está bem próximo de acontecer. Nos Estados Unidos, o relógio da LG já é vendido por aproximadamente 300 dólares e a empresa prometeu a chegada do dispositivo em outras partes do mundo, incluindo o Brasil, ainda em 2014.

Este aparelho conta com o Android Wear, o sistema operacional da Google para gadgets vestíveis e é bem interessante nas suas especificações, trazendo 4 GB de armazenamento interno (o que, para um relógio, é algo considerado bom) e uma tela LCD de 1,65". Ele provavelmente chegará ao Brasil com um preço parecido com o dos seus concorrentes — ou seja, é bom se preparar para desembolsar mais de mil reais neste gadget.

MyKronoz ZeWatch

Este aparelho faz parte de uma geração de SmartWatches mais baratos e acessíveis para quem não quer, necessariamente, um modelo de ponta. Ele pode ser comprado pela Amazon e custa menos de 45 euros, mas é preciso levar em conta que este preço vem com impostos no momento da importação.

O lado interessante é que este aparelho pode ser utilizado em par com qualquer outro que possa estabelecer uma comunicação via Bluetooth — inclusive computadores e tablets. Ao ser usado com smartphones, o MyKronoz ZeWatch permite que você confira notificações, atenda ou rejeite ligações e até mesmo escute músicas.

Samsung Gear Fit

Este aparelho é praticamente um híbrido entre uma pulseira e um relógio e é voltado para quem pratica atividades físicas. Utilizando também o Tizen, assim como o Gear 2, ele traz várias opções para esportistas que queiram acompanhar melhor os seus resultados; além, é claro, da opção de ver notificações e até ouvir música.

O Gear Fit pode ser comprado no Brasil por menos de 900 reais, porém isso não quer dizer que ele realmente valha o preço — afinal, ele roda um sistema operacional limitado e tem compatibilidade com poucos aparelhos. Veja esta análise para entender quais são as melhores qualidades e os defeitos deste gadget da Samsung.

Sony SmartWatch 2

Este modelo, da Sony, já tem algum tempo de vida e é uma opção interessante para quem não quer depender dos aparelhos da Samsung para se conectar. Ele pode ser adquirido pela Amazon e custa menos de 200 dólares, aproximadamente 500 reais em uma conversão direta (o preço de importação pode subir de acordo com os impostos aplicados).

A principal vantagem deste aparelho é que ele é capaz de se conectar com qualquer celular usando Android 4.0 ou superior, independente da marca. Possui mais de 300 aplicativos disponíveis e tem também uma conexão NFC para enviar e receber informações do smartphone.

MetaWatch STRATA

Diferente da maior parte dos relógios inteligentes, que são fabricados por empresas que usam o Android para se conectar, este aparelho pode ser sincronizado diretamente com um iPhone também. Ele não é um concorrente direto de SmartWatches mais avançados, mas permite ver notificações, acessar o clima na sua região, entre outras funções.

Você pode comprá-lo na Amazon por menos de 130 dólares, sendo que o aparelho tem este preço por ser totalmente à prova d'água, extremamente resistente e ter uma bateria que dura um bom tempo no seu pulso. Se você quiser mais opções de aparelhos semelhantes, veja essa lista de SmartWatches alternativos e baratos disponíveis para a compra.

Fitbit Flex

Saindo um pouco do mercado de relógios inteligentes, as pulseiras esportivas são um grande sucesso de vendas no mundo todo. O Fitbit Flex é um pequeno aparelho desse tipo que promete melhorar os seus resultados nas práticas de atividades físicas, trazendo análises precisas do seu desempenho para que você tenha um melhor aproveitamento em treinos futuros.

Essa pulseira era para ser uma concorrente da Nike FuelBand, porém esta segunda foi descontinuada pela fabricante possivelmente para ser substituída por um aparelho da Apple. Ou seja, se você quer uma pulseira para rastrear as suas atividades físicas, o Fitbit Flex pode ser a melhor opção atualmente.

Google Glass

Quem sabe este seja o maior nome dentro dos aparelhos vestíveis atualmente. Estes óculos já podem ser comprados nos Estados Unidos e existe até uma empresa brasileira que vende (se você estiver disposto a pagar mais de 6 mil reais neles) e aluga o gadget da Google para quem quiser usá-lo imediatamente. O preço do aluguel é de 250 reais por dia e está disponível apenas em São Paulo, por enquanto.

Meta Space Glasses

Este aparelho ainda não pode ser comprado com o envio imediato, porém está com a pré-venda aberta para dois modelos, que devem ser enviados no começo de 2015 para quem se arriscar a pagar o seu preço. Ele não é barato, porém são óculos que prometem criar um mundo holográfico completo ao seu redor. Ele é um modelo de óculos de realidade aumentada que usa vários sensores e câmeras para interagir com o mundo ao seu redor.

A primeira versão, mostrada no vídeo acima, possui uma aparência nada discreta ou bonita, mas o produto é o mais perto que você pode chegar, atualmente, de interagir fisicamente com espaços digitais “reais”. A boa notícia é que aquele era só um protótipo (ainda disponível para a compra); o Meta Space Glasses Pro, atualmente em pré-venda, é muito mais elegante. Você pode adqurir qualquer um dos modelos clicando neste link.

Cupons de desconto TecMundo: