O Renault RS 2027 Vision é um conceito que foi apresentado durante o Salão de Xangai e, apesar de lembrar bastante os carros atuais, ele conta com algumas mudanças bem significativas.

A primeira dela é o cockpit fechado, uma ideia que vem sendo trabalhado atualmente na categoria, mas que ainda não encontrou seu espaço, mas está presente na visão da marca francesa e lembra bastante um canopy de um avião e, sendo transparente, ainda permite ver os capacetes dos pilotos.

Na verdade, não só o capacete: o cockpit como um todo é transparente, graças a uma construção vazada feita com um policarbonato ultra-resistente.

Outro aspecto visual marcante é a presença de LEDs – muitos deles. Na dianteira, na forma de “faróis” e com a mesma identidade vista em outros carros da montadora francesa, na traseira, nas laterais e até nas rodas, sendo que esses tem uma função muito legal: a de mostrar informações sobre a corrida, como a volta e a posição do piloto.

É curioso, já que as corridas noturnas na Fórmula 1 respondem por uma parte muito pequena do calendário e geralmente são em circuitos que são muito bem iluminados. Os da parte de trás, especificamente, estão em uma asa retrátil que, diferente dos carros atuais, pode expandir ou recolher toda a sua estrutura e não somente algumas aletas.

A direção autônoma também encontrou um espacinho no conceito da Renault: em casos de safety-car ou acidentes, o piloto poderá ativar a função para que o carro ande por conta em baixas velocidades.

A eletricidade, por sua vez, será ainda mais importante, na forma de um propulsor que pode ser utilizado para mover o carro nos boxes e também para economizar combustível, já que o tanque será 50% menor.

Para finalizar, o Renault RS 2027 Vision terá tração integral e um eixo traseiro direcional, algo comum nos super e hipercarros atuais e que vai aumentar significativamente o poder de aceleração e de curvas dos fórmulas.

Tirando os LEDs, o restante do projeto parece bem sólido e seguindo os passos que estão sendo dados na categoria atualmente, como é o caso do cockpit fechado. O que você achou? Deixe seu comentário aí embaixo!

Cupons de desconto TecMundo: