TikTok oculta desafio que incentiva roubo de itens em escolas

1 min de leitura
Imagem de: TikTok oculta desafio que incentiva roubo de itens em escolas
Imagem: PxHere/Reprodução
Avatar do autor

Nesta semana, o TikTok foi palco do questionável desafio "Devious Licks” (golpes desonestos, em português). Com o retorno às aulas, estudantes americanos começaram a roubar objetos da escola e exibi-los como troféus na rede social.

Todos os clipes têm como trilha sonora uma versão editada da música Ski Ski BasedGod do rapper Lil B. Segundo os dados do Mashable, a tag #deviouslick apareceu em cerca de 100 mil vídeos e gerou mais de 175 milhões de visualizações na última segunda-feira (13).

Estudantes roubavam de máscaras até saboneteiras de banheiro.Estudantes roubavam de máscaras até saboneteiras de banheiro.Fonte:  Mashable/Reprodução 

Os clipes publicados pelos estudantes mostram as mais diferentes categorias de objetos roubados. Os jovens estavam levando para casa desde máscaras e kits de teste para covid-19 até aparelhos tecnológicos das salas de aula.

TikTok oculta viral das buscas

Ciente de que o desafio se tornou um grande viral, o TikTok passou a limitar os resultados da pesquisa no app. Além de remover os vídeos com a tag #deviouslick, a rede social está redirecionando as buscas para a página de Diretrizes da rede social.

“Esperamos que nossa comunidade permaneça segura e crie vídeos com responsabilidade. Não permitimos clipes que promovam ou possibilitem atividades criminosas”, disse um porta-voz da plataforma ao TechCrunch.

Usando o perfil oficial no Twitter, o Tiktok também publicou uma mensagem condenando os atos de vandalismo. Para mais, a nota encoraja os estudantes a serem “mais gentis” com as  escolas e os professores.

Efeitos negativos do desafio

Apesar dos esforços do TikTok para evitar que os jovens participassem do desafio, os “golpes desonestos” tiveram grandes proporções nos Estados Unidos. Assim, o viral se tornou uma dor de cabeça para administradores escolares em todo o país.

Em Portland, uma escola de ensino médio teve todas as saboneteiras do prédio roubadas por estudantes. Enquanto isso, alunos de um colégio em Las Vegas estavam roubando placas de sinalização, alarmes de incêndio e até os projetores das salas de aula.