'5G': Claro, Motorola e Samsung terão que se explicar Procon-SP

1 min de leitura
Imagem de: '5G': Claro, Motorola e Samsung terão que se explicar Procon-SP
Imagem: Reprodução
Essa não é uma matéria patrocinada. Contudo, o TecMundo pode receber uma comissão das lojas, caso você faça uma compra.
Avatar do autor

Não é difícil de encontrar operadoras e fabricantes anunciando a venda de smartphones compatíveis com a tecnologia 5G – que pode demorar um bom tempo para ser disponibilizada ao público em geral, já que o leilão de frequências no Brasil deve ocorrer apenas em abril ou maio de 2021. Agora, algumas delas terão de confirmar a regularidade de suas ações, pois o Procon-SP notificou três empresas para que prestem esclarecimentos: Motorola, Samsung e Claro.

De acordo com a assessoria de comunicação da entidade, as companhias tinham, a partir de 6 de novembro, 72 horas para explicar "se produto atrelado à tecnologia 5G já se encontra disponível no Brasil e, caso contrário, por que consta explicitamente da publicidade essa informação." Além disso, se elas alertam ao consumidor eventuais limitações de serviço e, em caso afirmativo, como esse comunicado é feito.

Por sua vez, a Claro deverá entrar em mais detalhes, pois, por informar em seu site que "traz a primeira rede comercial 5G do Brasil" e que "o Motorola Edge seria o primeiro smartphone 5G do país", está intimada a demonstrar "se a tecnologia 5G ofertada está vinculada apenas aos aparelhos Motorola; se tem como precisar qual será a amplitude de cobertura do serviço 5G, quando disponibilizada; se haverá limitações; em que situações o serviço, na forma como está sendo ofertado, será garantido; e se teve autorização dos órgãos competentes para oferta do serviço 5G."

Operadora terá de prestar esclarecimentos ao Procon-SP.Operadora terá de prestar esclarecimentos ao Procon-SP.Fonte:  Claro 

O que dizem as empresas?

Todas as envolvidas confirmaram o recebimento das solicitações do órgão, sendo que a Claro diz que prestará os esclarecimentos técnicos e a Motorola reforça que "toda a comunicação relativa aos produtos compatíveis com a rede 5G DSS da Claro incluem orientação para que os usuários se informem junto à operadora sobre a disponibilidade do plano de dados, o preço e a área de cobertura da rede disponível."

Por fim, a Samsung se limitou a declarar que responderá os questionamentos e que os dados sobre o 5G constam no site oficial e nos materiais de comunicação.

News de tecnologia e negócios Deixei seu email aqui, e welcome to the Jungle.
'5G': Claro, Motorola e Samsung terão que se explicar Procon-SP